InicioDesportoPortugal - Grécia: Vontade lusa não chegou para derrubar muralha grega

Portugal – Grécia: Vontade lusa não chegou para derrubar muralha grega

(DR)
(DR)

Com Cristiano Ronaldo lesionado e a assistir do banco de suplentes ao encontro, Portugal empatou (0-0) este sábado com a Grécia. Com muitos dos habituais titulares de Paulo Bento de fora e a jogar em 4-4-2 a equipa lusa ainda mostrou algum atrevimento na primeira parte, mas a exibição lusa, no seu conjunto, não foi suficiente para levar de vencida a Grécia de Fernando Santos, que esteve mais na expetativa do que à procura de levar uma vitória do Estádio do Jamor.

90+2 minutos – Final do jogo no estádio do Jamor. Nulo entre Portugal e Grécia no último jogo de preparação disputado em Portugal.

90 minutos – Nova substituição para Portugal. Sai William Carvalho e entra Neto. Face à substituição o até aqui defesa central Ricardo Costa passa a ocupar a posição mais recuada do meio campo luso. Vão jogar-se dois minutos de compensação.

85 minutos – Portugal adormeceu durante momentos e os gregos aproveitaram para por a teste o guarda-redes Beto. Continua a faltar esclarecimento na equipa portuguesa e parece cada vez mais que só um lance individual poderá dar um golo para o conjunto orientado por Paulo Bento.

80 minutos – Tudo igual no estádio do Jamor. Portugal, porém, já passou por alguns momentos de aperto, com Beto a ter de se aplicar para resolver duas situações difíceis. Na equipa das quinas, destaque também para a saída de Nani e para a entrada de Rafa.

70 minutos – Nova alteração na equipa orientada por Paulo Bento. Sai Varela e entra Vieirinha. No jogo, Nani continua a ser o mais inconformado e tentar dar um pontapé na monotonia em que o jogo se transformou.

65 minutos – O seleccionador grego Fernando Santos e faz entrar dois jogadores. Do lado de Portugal, Bento responde e tira Éder, pondo Ruben Amorim para dar mais força ao meio campo da equipa das quinas. Jogo muito parado e sem grandes motivos de interesse. O público nas bancadas começa a ficar impaciente.

60 minutos – A equipa lusa parece ter despertado após o intervalo. Com a entrada de Hugo Almeida a equipa está mais pressionante e Nani parece dar mostras de alguma insatisfação e assume cada vez mais o jogo português. Os gregos vão assistindo ao desenrolar da partida e parecem esperar um erro do adversário para tentar explorar o contra-ataque.

55 minutos – Depois de um periogoso cruzamento, na direita, efetuado por Nani, Hugo Almeida e Éder chegam atrasados à solicitação do extremo do Manchester United e falham por pouco a bola. Perigo na área grega.

50 minutos – Portugal e Grécia parecem ter entrado com vontade de resolver o jogo e já tentaram ameaçar as respetivas balizas adversárias, porém sem grande efeito.

46 minutos – Reinício da partida no Jamor. Sai a jogar a equipa portuguesa.

45 minutos – Intervalo no estádio do Jamor.

40 minutos – Jogo muito ‘morno’ no Estádio do Jamor, com as duas equipas pouco esclarecidas e com dificuldades em mostrar o seu futebol.

30 minutos – Apesar de uma grande festa nas bancadas, a equipa lusa parece algo adormecida e os gregos começam a ganhar, cada vez mais, confiança. À parte de um remate de Miguel Veloso, à entrada da área, aos 25 minutos, nada a assinalar no Jamor.

20 minutos – A equipa portuguesa continua a procurar a baliza adversária, mas os gregos, orientados por Fernando Santos, parecem agora mais seguros de si, apesar de ainda não terem consegui incomodar Eduardo.

15 minutos – Depois de nos minutos iniciais ter entrado mais pressionante, a equipa portuguesa acalmou agora um pouco o ritmo de jogo, mas continua a ter a iniciativa de jogo e a visar a baliza adversária.

10 minutos – Depois de dois cantos na esquerda do ataque luso, cobrados por Miguel Veloso, Bruno Alves e Ricardo Costa obrigaram o guarda-redes grego a duas difíceis intervenções. Portugal entra melhor na partida e já ‘cheirou’ a golo no Jamor.

5 minutos – Portugal a entrar mais pressionante e a obrigar o guarda-redes adversário a uma boa defesa. As duas equipas vão-se estudando e tentam encaixar no sistema tático uma da outra.

Início da partida no Estádio do Jamor.

Conheça aqui o onze de Portugal para hoje frente à Grécia, em partida que se vai disputar no Estádio do Jamor, em Lisboa.

Eduardo; João Pereira, Ricardo Costa, Bruno Alves e André Almeida; William, Miguel Veloso, Varela e Nani; Postiga e Éder.

O onze grego:

Karnezis; Maniatis, Manolas, Papastathopoulos e Holebas; Katsouranis e Tziolis; Salpingidis, Torosidis e Samaras; Mitroglou. (noticiasaominuto.com)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.