- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Selecção Nacional tenta nova vitória

Selecção Nacional tenta nova vitória

20130228085233hoqueiA Selecção Nacional de Hóquei em Patins defronta amanhã, de madrugada, a formação da Casa de Itália, para a segunda jornada do Grupo A do Torneio Internacional de Vendimia, na cidade argentina de Mendonza, no pavilhão do Andes Talleres, em busca do segundo triunfo para revalidação do título.
Na sua estreia, terça-feira, o combinado nacional derrotou a equipa do Caucetera de San Juan, por cinco bolas sem resposta, quando ao intervalo saiu com uma vantagem de três bolas. O primeiro tento angolano foi rubricado à passagem do quinto minuto, por intermédio de João Pinto.
O tento angolano levou o Caucetera a melhorar o aspecto defensivo, o que dificultou as acções ofensivas da selecção de todos nós. Neste período, assistiu-se a uma partida de paradas e respostas, com o guarda-redes Tiago Sousa a ser o grande protagonista, ao impedir que os sucessivos remates fossem parar ao fundo da sua baliza.
Angola ampliou o resultado numa jogada em que João Pinto, com um passe de Jhoe, fez balançar as redes da baliza contrária pela segunda vez, fazendo o segundo da sua conta pessoal, resultado que veio a ser dilatado por Centeno, que aproveitou da melhor maneira uma falha da defensiva do Caucete e fez o três a zero. No reatamento, Angola manteve a mesma postura ofensiva, apesar da vantagem folgada que trazia na primeira metade. Jhoe voltou a bater o guarda-redes Jorge Castro, que nada pôde fazer para evitar o forte remate do avançado angolano.
Antes do termo da partida, Jhoe voltou a ser o protagonista, a selar o resultado em 5-0, para satisfação do público presente no recinto que puxava pela equipa angolana.
No final, Orlando Graça disse que a postura da Selecção Nacional não o surpreendeu, porquanto conhece bem o seu grupo de trabalho e as capacidades de cada um dos seus elementos, mas valorizou a estreia vitoriosa no referido torneio. “Esta vitória vai resumir-se ­numa predisposição para o próximo desafio diante da Casa de Itália. As equipas argentinas são sempre muito aguerridas e proporcionam barreiras difíceis de ser transpostas. Estamos aqui para fazer o nosso trabalho, tendo em vista o mundial que vamos acolher no nosso país”, argumentou o técnico.
Orlando Graça disse ainda esperar que a equipa continue a ser bem sucedida jogo após jogo. Quanto ao adversário, disse que tem jogadores muito tecnicistas e que esteve ao nível da selecção, independentemente do resultado ter sido avolumado.

(jornaldeangola.com)

- Publicidade -
- Publicidade -

Segurança de armazém morto à facada no Rangel

Um homem, de 38 anos, segurança de um armazém de venda de bens alimentares, no BAIRRO Terra Nova, Rangel, em Luanda, foi morto à...
- Publicidade -

Renamo pede que Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional

A Renamo voltou a propor que o seu fundador e líder histórico Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional, uma proposta vista com bons olhos...

Moçambique: MDM acusa FRELIMO de atacar a sua comitiva em Inhambane

O partido no poder já negou as acusações da segunda maior força da oposição. Mesmo assim o MDM exige que a polícia esclareça o...

Beto Kaputo: “Fugimos com a farda e as armas portuguesas a partir de Cabinda”

“Boa tarde, eu sou o Beto Kaputo”. Foi assim que a equipa do Jornal OPAÍS foi recebida na residência deste general de três estrelas,...

Notícias relacionadas

Segurança de armazém morto à facada no Rangel

Um homem, de 38 anos, segurança de um armazém de venda de bens alimentares, no BAIRRO Terra Nova, Rangel, em Luanda, foi morto à...

Renamo pede que Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional

A Renamo voltou a propor que o seu fundador e líder histórico Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional, uma proposta vista com bons olhos...

Moçambique: MDM acusa FRELIMO de atacar a sua comitiva em Inhambane

O partido no poder já negou as acusações da segunda maior força da oposição. Mesmo assim o MDM exige que a polícia esclareça o...

Beto Kaputo: “Fugimos com a farda e as armas portuguesas a partir de Cabinda”

“Boa tarde, eu sou o Beto Kaputo”. Foi assim que a equipa do Jornal OPAÍS foi recebida na residência deste general de três estrelas,...

Empresário condenado na Suíça por corrupção de quadros da Sonangol

A justiça suíça condenou ex-administrador de uma empresa holandesa, que reside em Portugal, por corrupção de vários quadros da petrolífera estatal angolana Sonangol. 5,8...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.