- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Brasil Emprego: país teve quatro vezes menos vagas criadas em janeiro

Emprego: país teve quatro vezes menos vagas criadas em janeiro

1138mc072Foram gerados 28,9 mil postos de emprego com carteira assinada no primeiro mês de 2013, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados ontem (22) pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). O número resulta da diferença entre 1.794.272 admissões e 1.765.372 demissões, e foi o saldo mais baixo para o mês desde 2009, ano da crise financeira internacional.

Em janeiro de 2009, foram fechadas 101,7 mil vagas; no mesmo mês de 2010, foram abertas 181,4 mil; e em 2011, abertura de 152 mil postos de trabalho. Em igual mês de 2012, foram criados 118,8 mil postos – cerca de quatro vezes mais em comparação a janeiro deste ano. A média para a criação de vagas no período, desde 2003, é 93,7 mil.

O saldo de janeiro foi influenciado pelo mau desempenho do comércio, que fechou cerca de 67,4 mil postos – o menor resultado desde o início da série histórica, em 1992. A indústria, em contraponto, criou mais de 43,3 mil vagas, o que contribuiu para o balanço do mês ser positivo. O resultado da indústria foi o quarto mais alto desde o começo da série. Ler mais

(ebc.com.br)

- Publicidade -
- Publicidade -

Presidente do PRS: “Quem adiou as autarquias em Angola foi o Presidente da República”

A acusação é de Benedito Daniel, presidente do Partido de Renovação Social (PRS), em réplica ao discurso sobre o "Estado da Nação" proferido pelo...
- Publicidade -

Moçambique: Cadeia provincial de Inhambane sobrelotada e sem condições

A cadeia provincial de Inhambane, no sul de Moçambique, tem o dobro de reclusos que a sua capacidade poderia suportar. Detidos ouvidos pela DW África reclamam falta...

Valentino Rossi acusa positivo à Covid-19 e falha GP de Aragão

Valentino Rossi informou recentemente que acusou positivo no teste feito à Covid-19. O piloto italiano de MotoGP não se estava a sentir bem, como...

Henri Lopes: “No Congo, a independência era assustadora”

Ex-primeiro-ministro e ex-embaixador do Congo na França, o escritor Henri Lopes conta a atmosfera confusa que reinou no Congo nas décadas de 1960 e...

Notícias relacionadas

Presidente do PRS: “Quem adiou as autarquias em Angola foi o Presidente da República”

A acusação é de Benedito Daniel, presidente do Partido de Renovação Social (PRS), em réplica ao discurso sobre o "Estado da Nação" proferido pelo...

Moçambique: Cadeia provincial de Inhambane sobrelotada e sem condições

A cadeia provincial de Inhambane, no sul de Moçambique, tem o dobro de reclusos que a sua capacidade poderia suportar. Detidos ouvidos pela DW África reclamam falta...

Valentino Rossi acusa positivo à Covid-19 e falha GP de Aragão

Valentino Rossi informou recentemente que acusou positivo no teste feito à Covid-19. O piloto italiano de MotoGP não se estava a sentir bem, como...

Henri Lopes: “No Congo, a independência era assustadora”

Ex-primeiro-ministro e ex-embaixador do Congo na França, o escritor Henri Lopes conta a atmosfera confusa que reinou no Congo nas décadas de 1960 e...

RDC: batalha entre Kabila e Tshisekedi pelo controle do Tribunal Constitucional

Félix Tshisekedi e seu antecessor Joseph Kabila têm travado uma batalha feroz pelo controle do Tribunal Constitucional há várias semanas. Na véspera da posse dos...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.