- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola ONU rejeita pedido de indemnização às vítimas da cólera no Haiti

ONU rejeita pedido de indemnização às vítimas da cólera no Haiti

752728As Nações Unidas rejeitaram o pedido de indemnização das vítimas da epidemia de cólera que atingiu o Haiti depois do sismo de 2010, que, segundo a Organização Mundial de Saúde, matou 7700 pessoas e infectou 620 mil.

A origem da epidemia esteve, segundo alguns especialistas, nas más condições sanitárias do acampamento em que estavam os “capacetes azuis nepaleses. Agora as vítimas da cólera – as pessoas que ficaram infectadas ou as famílias dos que morreram – exigiam à ONU centenas de milhões de dólares em indemnizações: 100 mil dólares (75 mil euros) por cada familiar morto e 50 mil (38 mil euros) para cada pessoa infectada.

As Nações Unidas nunca assumiram responsabilidade pela epidemia, argumentando que era impossível identificar de forma exacta a origem da epidemia. E nesta quinta-feira, o porta-voz do secretário-geral, Ban Ki-moon, disse que o pedido não será atendido ao abrigo da secção 29 da Convenção sobre os privilégios e imunidades das Nações Unidas de 1946. Ler mais

(dn.pt)

- Publicidade -
- Publicidade -

Beto Kaputo: “Fugimos com a farda e as armas portuguesas a partir de Cabinda”

“Boa tarde, eu sou o Beto Kaputo”. Foi assim que a equipa do Jornal OPAÍS foi recebida na residência deste general de três estrelas,...
- Publicidade -

Empresário condenado na Suíça por corrupção de quadros da Sonangol

A justiça suíça condenou ex-administrador de uma empresa holandesa, que reside em Portugal, por corrupção de vários quadros da petrolífera estatal angolana Sonangol. 5,8...

Ministério da Educação descontente com a suspensão das aulas presenciais na Escola Portuguesa de Luanda

O Ministério da Educação (MED) angolano reagiu com "surpresa" e "desagrado" à decisão da Escola Portuguesa de Luanda de suspender as aulas presenciais, a...

BAI concede 31% da carteira de crédito ao sector imobiliário

O Banco Angolano de Investimentos (BAI) concedeu, ao longo dos seus 24 anos de existência, empréstimos anuais de 31% da sua carteira de crédito...

Notícias relacionadas

Beto Kaputo: “Fugimos com a farda e as armas portuguesas a partir de Cabinda”

“Boa tarde, eu sou o Beto Kaputo”. Foi assim que a equipa do Jornal OPAÍS foi recebida na residência deste general de três estrelas,...

Empresário condenado na Suíça por corrupção de quadros da Sonangol

A justiça suíça condenou ex-administrador de uma empresa holandesa, que reside em Portugal, por corrupção de vários quadros da petrolífera estatal angolana Sonangol. 5,8...

Ministério da Educação descontente com a suspensão das aulas presenciais na Escola Portuguesa de Luanda

O Ministério da Educação (MED) angolano reagiu com "surpresa" e "desagrado" à decisão da Escola Portuguesa de Luanda de suspender as aulas presenciais, a...

BAI concede 31% da carteira de crédito ao sector imobiliário

O Banco Angolano de Investimentos (BAI) concedeu, ao longo dos seus 24 anos de existência, empréstimos anuais de 31% da sua carteira de crédito...

Xadrez: Angola conquista Zonal Africano

A Selecção Nacional de xadrez conquistou o Zonal Africano 4.5, da região da SADC, com 16 pontos, em prova cujo resultado foi confirmado mais...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.