- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono São Tomé e Príncipe: Presidente demite procuradora-geral nomeada há 15 dias

São Tomé e Príncipe: Presidente demite procuradora-geral nomeada há 15 dias

CACHE_416X246_13004728O presidente são-tomense, Manuel Pinto da Costa, demitiu, na quarta-feira, a Procuradora-Geral da Republica (PGR), Elsa de Barros Pinto, que havia sido nomeada no principio deste mês por decreto presidencial.
“É, sob proposta do Governo, exonerada a senhora Dra. Elsa Maria Neto d’Alva Teixeira de Barros Pinto, do cargo que vinha exercendo como Procuradora-Geral da República, para que havia sido nomeada por Decreto Presidencial” de 01 de fevereiro, publicado no Diário da República a 04 de fevereiro, diz o decreto presidencial tornado público na noite de quarta-feira através da televisão pública.
A nomeação de Elsa Pinto para o cargo foi severamente contestada pela Bastonária da Ordem dos Advogados, Celisa de Deus Lima, que considerou que o “perfil” da nova Procuradora-Geral da República não se “coaduna com aquele que deve ser o de uma Procuradora-Geral da República”.
Elsa Pinto, antes de tomar posse, era deputada do Movimento de Libertação de São Tomé e Príncipe (MLSTP) e membro do Conselho de Estado e corria sobre ela uma ação judicial por dívida. (lusa.pt)

- Publicidade -
- Publicidade -

RDC: Félix Tshisekedi defende “união sagrada” após tensões pró-Kabila

Nem dissolução do Parlamento, nem renúncia do governo. No final de uma semana tensa com seus aliados da Frente Comum para o Congo, Félix Tshisekedi...
- Publicidade -

Activista Paulo de Morais constituído arguido no caso “vestidos de noiva”

O facto acontece na sequência da queixa-crime por difamação apresentada em Portugal por Bornito de Sousa, vice-presidente de Angola, e a sua filha Naulila...

Deputados das 1ª e 9ª comissões votam a favor da suspensão de mandato e retirada de imunidades a Manuel Rebelais

Os deputados das 1º e 9ª comissões especializadas da Assembleia Nacional aprovaram hoje, sexta-feira, 23, por unanimidade, o relatório parecer que suspende o mandato...

A segunda parte do Lourencismo

Hoje sábado, 24 de Outubro, voltará a ser um dia tenso em Luanda. Em contexto de profunda crise económica, desemprego e carências, jovens activistas...

Notícias relacionadas

RDC: Félix Tshisekedi defende “união sagrada” após tensões pró-Kabila

Nem dissolução do Parlamento, nem renúncia do governo. No final de uma semana tensa com seus aliados da Frente Comum para o Congo, Félix Tshisekedi...

Activista Paulo de Morais constituído arguido no caso “vestidos de noiva”

O facto acontece na sequência da queixa-crime por difamação apresentada em Portugal por Bornito de Sousa, vice-presidente de Angola, e a sua filha Naulila...

Deputados das 1ª e 9ª comissões votam a favor da suspensão de mandato e retirada de imunidades a Manuel Rebelais

Os deputados das 1º e 9ª comissões especializadas da Assembleia Nacional aprovaram hoje, sexta-feira, 23, por unanimidade, o relatório parecer que suspende o mandato...

A segunda parte do Lourencismo

Hoje sábado, 24 de Outubro, voltará a ser um dia tenso em Luanda. Em contexto de profunda crise económica, desemprego e carências, jovens activistas...

Escassez de combustível em Mbanza Kongo atribuída ao contrabando

Mbanza Kongo - Munícipes de Mbanza Kongo, província do Zaire, afirmaram nesta sexta-feira que as constantes rupturas de combustíveis que se assiste na cidade...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.