Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Angola passa a presidência do Grupo CPLP a Moçambique

bandeira-da-cplp2Estocolmo – Os embaixadores de Angola, Brasil, Moçambique e Portugal acreditados no Reino da Suécia analisaram hoje (quarta-feira), na cidade de Estocolmo, a dinâmica de funcionamento do grupo da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) e a mobilização da diáspora aos projectos da organização.

Nessa reunião, que abordou igualmente questões relacionadas com os dias da Língua Portuguesa (05 de Maio) e da fundação da organização (17 de Julho), o embaixador de Angola no Reino da Suécia, Brito Sozinho, passou à presidência do Grupo CPLP em Estocolmo a embaixadora de Moçambique, Frances Victoria Rodrigues,.

Foram rocadas informações sobre a nona Conferência dos Chefes de Estado e de Governo da CPLP, realizada em Maputo, a 20 de Julho de 2012, além de pontos de vista sobre temas da actualidade política internacional e de cada um dos países.

A décima Reunião do Conselho de Ministros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, realizada em Luanda, em Julho de 2005, aprovou uma Resolução que criou os chamados Grupos CPLP.

Os referidos Grupos são constituídos por um mínimo de três Representantes dos países da Comunidade junto a Governos ou organizações internacionais e têm como objectivos coordenar posições relativamente a interesses comuns, assegurar a representação da CPLP em conferências, seminários e reuniões internacionais, efectuar diligências conjuntas, intercambiar informações sobre a realidade política e governamental do país onde se encontrem, entre outras.

Os Grupos CPLP são, em princípio, coordenados pelo Representante diplomático do país que esteja na presidência da Comunidade. Caso o país em questão não disponha de Missão diplomática residente, a coordenação do Grupo será decidida por consenso entre os países membros representados, em processo rotativo.

(portalangop.co.ao)

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »