- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia Preços registaram subida em Luanda

Preços registaram subida em Luanda

20130215111739mercadoriaO nível geral do Índice de Preços no Consumidor (IPC) da cidade de Luanda registou uma subida de 0,61 por cento entre o mês de Dezembro de 2012 e Janeiro de 2013.
A classe de alimentação e bebidas não alcoólicas foi a que registou o maior aumento de preços, com 0,75 por cento, de acordo com uma nota publicada no site do Ministério das Finanças. Dos aumentos verificados destacam-se os preços nas classes de mobiliário, equipamento, doméstico e manutenção, com 0,72 por cento. Os hotéis, cafés e restaurantes registaram 0,71 por cento e a saúde 0,68 por cento.
A nota de imprensa apresenta também a evolução mensal do IPC durante o período de Janeiro de 2012 a Janeiro de 2013, tal como a sua tendência durante o período em análise.
A variação homóloga situa-se em 8,90 por cento, registando uma baixa de 2,58 pontos percentuais ao observado em igual período do ano anterior, o que significa manter-se claramente a tendência decrescente, iniciada em Novembro de 2010.
A taxa de variação do IPC, por classes de consumo, apresenta taxas inferiores a um dígito.
A classe de comunicação não registou variação durante o período em análise. A nota refere também que a classe de alimentação e bebidas não alcoólicas foi a que mais contribuiu para o aumento do nível geral de preços, seguida da habitação, água, electricidade e combustíveis, assim como o mobiliário, equipamento doméstico e manutenção, vestuário, calçado e bens e serviços.  O documento do Ministério das Finanças inclui uma perspectiva,  onde se apresenta a incidência inflacionária no mês de Janeiro em 24 produtos do cabaz, que maior contribuição deu para a taxa de variação do IPC, que, no seu conjunto, representam dez por cento do total, mas que concentraram cerca de 45,27 por cento da taxa global de variação do IPC em Janeiro de 2013. (jornaldeangola.com)

 

 

- Publicidade -
- Publicidade -

Jornalistas e manifestantes alvo de violência policial

Foram soltos os jornalistas detidos no sábado em Luanda, Angola, numa manifestação organizada por um grupo de jovens com o apoio do maior partido...
- Publicidade -

Filipe Nyusi diz que diálogo com a autoproclamada Junta Militar da Renamo já começou

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, revelou na manhã desta quarta-feira, 28, estar em curso o diálogo entre o Governo e a autoproclamada Junta Militar...

Erdoğan apela ao boicote de produtos franceses

Na Síria, no Iraque ou no Paquistão: As manifestações contra o presidente Emmanuel Macron e o governo francês repetem-se um pouco por todo o...

Activistas detidos no dia 24 no Uíge denunciam maus-tratos e violações de direitos humanos

Eles foram libertados depois de condenados a pagar 200 mil kwanzas de multas. Os activistas políticos e cívicos detidos no sábado, 24, na província angolana...

Notícias relacionadas

Jornalistas e manifestantes alvo de violência policial

Foram soltos os jornalistas detidos no sábado em Luanda, Angola, numa manifestação organizada por um grupo de jovens com o apoio do maior partido...

Filipe Nyusi diz que diálogo com a autoproclamada Junta Militar da Renamo já começou

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, revelou na manhã desta quarta-feira, 28, estar em curso o diálogo entre o Governo e a autoproclamada Junta Militar...

Erdoğan apela ao boicote de produtos franceses

Na Síria, no Iraque ou no Paquistão: As manifestações contra o presidente Emmanuel Macron e o governo francês repetem-se um pouco por todo o...

Activistas detidos no dia 24 no Uíge denunciam maus-tratos e violações de direitos humanos

Eles foram libertados depois de condenados a pagar 200 mil kwanzas de multas. Os activistas políticos e cívicos detidos no sábado, 24, na província angolana...

Protestos contra limitação ao aborto legal

Os protestos voltaram às ruas de várias cidades da Polónia. Pelo quinto dia consecutivo, milhares de polacos manifestaram o desagrado contra a decisão do Tribunal...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.