- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Lagoa e Lagos foram a mesma cidade para a selecção de Angola...

Lagoa e Lagos foram a mesma cidade para a selecção de Angola na Volta ao Algarve

366086A equipa africana cometeu um erro na partida para a 2.ª etapa da prova e teve de acelerar para chegar dentro do “controlo”.

A atribulada participação da selecção de Angola na 39.ª Volta ao Algarve em bicicleta continuou esta sexta-feira com um engano no percurso, que levou os angolanos a Lagos, quando a partida da segunda etapa era em Lagoa.

Às 9h em ponto, Carlos Araújo, o antigo ciclista da Sicasal que agora é seleccionador angolano, saiu do hotel em Açoteias, Albufeira, onde a equipa está instalada e rumou à A22 para dirigir-se para a partida.

Mas o português é traiçoeiro e os angolanos foram parar um pouco mais à frente. “Enganámo-nos no caminho, fomos ter a Lagos”, contou à Lusa o seleccionador, enquanto ao telefone gritava com um outro elemento do staff: “Diz aos miúdos para vir rápido!”.

Detectado o erro, a seleção angolana teve de viajar em “contrarrelógio” para chegar dentro do “controlo” a Lagoa, quando nos altifalantes o “speaker” da “Algarvia” repetia insistentemente o apelo para que os quatro “resistentes” fossem assinar o livro do ponto.

Faltavam cinco minutos para o arranque da segunda etapa quando Igor Silva, o campeão nacional, apareceu a correr, ultrapassando as barreiras para cumprir a obrigação. Ler mais

(publico.pt)

- Publicidade -
- Publicidade -

Renamo pede que Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional

A Renamo voltou a propor que o seu fundador e líder histórico Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional, uma proposta vista com bons olhos...
- Publicidade -

Moçambique: MDM acusa FRELIMO de atacar a sua comitiva em Inhambane

O partido no poder já negou as acusações da segunda maior força da oposição. Mesmo assim o MDM exige que a polícia esclareça o...

Beto Kaputo: “Fugimos com a farda e as armas portuguesas a partir de Cabinda”

“Boa tarde, eu sou o Beto Kaputo”. Foi assim que a equipa do Jornal OPAÍS foi recebida na residência deste general de três estrelas,...

Empresário condenado na Suíça por corrupção de quadros da Sonangol

A justiça suíça condenou ex-administrador de uma empresa holandesa, que reside em Portugal, por corrupção de vários quadros da petrolífera estatal angolana Sonangol. 5,8...

Notícias relacionadas

Renamo pede que Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional

A Renamo voltou a propor que o seu fundador e líder histórico Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional, uma proposta vista com bons olhos...

Moçambique: MDM acusa FRELIMO de atacar a sua comitiva em Inhambane

O partido no poder já negou as acusações da segunda maior força da oposição. Mesmo assim o MDM exige que a polícia esclareça o...

Beto Kaputo: “Fugimos com a farda e as armas portuguesas a partir de Cabinda”

“Boa tarde, eu sou o Beto Kaputo”. Foi assim que a equipa do Jornal OPAÍS foi recebida na residência deste general de três estrelas,...

Empresário condenado na Suíça por corrupção de quadros da Sonangol

A justiça suíça condenou ex-administrador de uma empresa holandesa, que reside em Portugal, por corrupção de vários quadros da petrolífera estatal angolana Sonangol. 5,8...

Ministério da Educação descontente com a suspensão das aulas presenciais na Escola Portuguesa de Luanda

O Ministério da Educação (MED) angolano reagiu com "surpresa" e "desagrado" à decisão da Escola Portuguesa de Luanda de suspender as aulas presenciais, a...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.