- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Fronteira segura com apoio aéreo

Fronteira segura com apoio aéreo

20130211070427front_se1O chefe do Estado-Maior das Forças Armadas Angolanas (FAA), Geraldo Sachipengo Nunda, garantiu que o processo de reequipamento e modernização já está em curso e confirma a compra, ao Brasil, de seis aviões militares Super Tucano para apetrechar a Força Aérea Nacional.
Em declarações à Rádio Nacional de Angola, o general Sachipengo Nunda disse que a aquisição dos aviões é parte de um longo processo que inclui formação de quadros, melhoria das condições de alimentação e acomodação da tropa, além do rejuvenescimento do pessoal.
O Super Tucano é capaz de realizar operações de ataque leve, vigilância, contra insurgência e interceptação aérea. O avião pode ser equipado com diversos tipos de armamento, entre eles lançadores de foguetes de 70 mm, mísseis ar-ar e bombas teleguiadas a laser.
O general Sachipengo Nunda afirmou que os aviões adquiridos podem ser utilizados para a protecção das fronteiras nacionais, no combate à imigração ilegal, um fenómeno que está a preocupar as autoridades angolanas. A Mauritânia e o Burquina Faso também adquiriram o mesmo tipo de aviões para patrulhar as suas fronteiras.
O ministro da Defesa, Cândido Van-Dúnem, defendeu a adaptação permanente e evolutiva da organização das Forças Armadas Angolanas à nova conjuntura, com vista a fazer face à imigração ilegal. O nosso território, disse o ministro, tem sido reiteradas vezes palco de acções de invasão de cidadãos estrangeiros que, à procura das melhores condições de vida, atravessam a nossa fronteira com países vizinhos e fixam-se em diferentes pontos do território, a fim de aí desenvolverem negócios ilícitos. O ministro acrescentou que a situação tomou proporções preocupantes nos últimos tempos com o envolvimento de alguns cidadãos nacionais, que são aliciados a ponto de facilitarem a entrada de garimpeiros em Angola.
O ministro do Interior, Ângelo Veiga, anunciou a redefinição de estratégias no combate à imigração ilegal e à criminalidade, com a introdução de mecanismos e métodos que permitem envolver de forma mais participativa os membros das comunidades, exigindo respostas firmes no domínio de repressão e prevenção.
O avião Super Tucano pode aterrar em pistas não pavimentadas e é utilizado pelas forças aéreas do Brasil, Chile, Colômbia, Equador, República Dominicana, Burkina Faso e Indonésia. (jornaldeangola.com)

- Publicidade -
- Publicidade -

Renamo pede que Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional

A Renamo voltou a propor que o seu fundador e líder histórico Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional, uma proposta vista com bons olhos...
- Publicidade -

Moçambique: MDM acusa FRELIMO de atacar a sua comitiva em Inhambane

O partido no poder já negou as acusações da segunda maior força da oposição. Mesmo assim o MDM exige que a polícia esclareça o...

Beto Kaputo: “Fugimos com a farda e as armas portuguesas a partir de Cabinda”

“Boa tarde, eu sou o Beto Kaputo”. Foi assim que a equipa do Jornal OPAÍS foi recebida na residência deste general de três estrelas,...

Empresário condenado na Suíça por corrupção de quadros da Sonangol

A justiça suíça condenou ex-administrador de uma empresa holandesa, que reside em Portugal, por corrupção de vários quadros da petrolífera estatal angolana Sonangol. 5,8...

Notícias relacionadas

Renamo pede que Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional

A Renamo voltou a propor que o seu fundador e líder histórico Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional, uma proposta vista com bons olhos...

Moçambique: MDM acusa FRELIMO de atacar a sua comitiva em Inhambane

O partido no poder já negou as acusações da segunda maior força da oposição. Mesmo assim o MDM exige que a polícia esclareça o...

Beto Kaputo: “Fugimos com a farda e as armas portuguesas a partir de Cabinda”

“Boa tarde, eu sou o Beto Kaputo”. Foi assim que a equipa do Jornal OPAÍS foi recebida na residência deste general de três estrelas,...

Empresário condenado na Suíça por corrupção de quadros da Sonangol

A justiça suíça condenou ex-administrador de uma empresa holandesa, que reside em Portugal, por corrupção de vários quadros da petrolífera estatal angolana Sonangol. 5,8...

Ministério da Educação descontente com a suspensão das aulas presenciais na Escola Portuguesa de Luanda

O Ministério da Educação (MED) angolano reagiu com "surpresa" e "desagrado" à decisão da Escola Portuguesa de Luanda de suspender as aulas presenciais, a...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.