- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Unesco reconhece ser difícil proteger património cultural em zonas de conflito

Unesco reconhece ser difícil proteger património cultural em zonas de conflito

750598Pilhagens e tráfico arqueológico entre as principais preocupações no contexto de conflitos armados, como no Mali e Síria, com custos que podem ascender a cinco milhões de euros.

A directora geral da Unesco, Irina Bokova, visitou no sábado passado o Mali com o Presidente francês François Hollande esta sexta-feira reiterou o compromisso da entidade em proteger e reconstruir as relíquias culturais do país.

De acordo com Irina Bokova, o custo da reconstrução de túmulos e mausoléus destruídos varia entre quatro e cinco milhões de euros. De acordo com os relatos da imprensa, quando os radicais islâmicos abandonaram a cidade de Tombuctu, no Mali, incendiaram o edifício onde estavam guardados milhares de precisos manuscritos, de valor incalculável.

Mas não é apenas o Mali que preocupa a Unesco. A Síria é outro caso em observação, como foram há algum tempo também a Líbia e o Iraque. A avaliação da Unesco é clara: tem meios limitados para proteger os locais culturais ameaçados, não tanto pela sua possível destruição, mas sim pelas pilhagens e pelo tráfico arqueológico. Na teoria, os beligerantes, signatários da convenção de Haia de 1954 para a protecção de bens culturais em caso de conflito armado, têm de fazer todos os possíveis para preservar o património contra a devastação da guerra. Mas a prática é mais complexa. “Como proteger o património na Síria? Não é possível, não temos a força suficiente”, constatou sexta-feira a directora da Unesco. Ler mais

(publico.pt)

- Publicidade -
- Publicidade -

Quimbandeiro detido por falsas promessas de milagres

O Serviço de Investigação Criminal (SIC), em Cabinda, deteve três cidadãos, supostamente implicados na prática do crime de burla por defraudação. O caso deu-se quando...
- Publicidade -

Dom Afonso Nunes defende que religião e política devem servir as comunidades

O bispo da Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo no Mundo, Dom Afonso Nunes, afirmou ontem, Sábado, que a religião e a política devem...

Salgado e outros banqueiros suspeitos de desviar milhões do BES Angola

Ricardo Salgado, ex-presidente do BES, Álvaro Sobrinho, ex-presidente do BES Angola, Amílcar Morais Pires e Hélder Bataglia terão recebido quase 337 milhões de euros...

Lewis Hamilton é o piloto mais vitorioso de sempre

Lewis Hamilton tornou-se ontem no piloto mais vitorioso na história do Mundial de Fórmula 1, depois de terminar em primeiro lugar no Grande Prémio...

Notícias relacionadas

Quimbandeiro detido por falsas promessas de milagres

O Serviço de Investigação Criminal (SIC), em Cabinda, deteve três cidadãos, supostamente implicados na prática do crime de burla por defraudação. O caso deu-se quando...

Dom Afonso Nunes defende que religião e política devem servir as comunidades

O bispo da Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo no Mundo, Dom Afonso Nunes, afirmou ontem, Sábado, que a religião e a política devem...

Salgado e outros banqueiros suspeitos de desviar milhões do BES Angola

Ricardo Salgado, ex-presidente do BES, Álvaro Sobrinho, ex-presidente do BES Angola, Amílcar Morais Pires e Hélder Bataglia terão recebido quase 337 milhões de euros...

Lewis Hamilton é o piloto mais vitorioso de sempre

Lewis Hamilton tornou-se ontem no piloto mais vitorioso na história do Mundial de Fórmula 1, depois de terminar em primeiro lugar no Grande Prémio...

FIFA pode interferir nas eleições da FAF

A Federação Internacional de Futebol Associado (FIFA) pode interferir nas eleições da Federação Angolana de Futebol (FAF), depois de Norberto de Castro ter denunciado...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.