- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Suspenso director da cadeia de Viana

Suspenso director da cadeia de Viana

O director do estabelecimento prisional de Viana, Correia Moço, foi suspenso na sequência do inquérito instaurado pelo Ministério do Interior, com base nas imagens postas a circular na Internet, que mostram actos violentos contra reclusos.
O Ministério do Interior refere num comunicado que, para além do director, foram também suspensos os chefes de segurança penal e da ordem interna, assim como oficiais e agentes prisionais.
De acordo com o comunicado de imprensa assinado pelo director nacional do gabinete de estudos, informação e análise do Ministério do Interior, Jorge Pereira, o inquérito foi encaminhado para a Procuradoria-Geral da República (PGR) para procedimento criminal. “Foi um acto isolado que não pode pôr em causa a entrega e abnegação dos funcionários do Ministério do Interior, que dia a dia trabalham para o seu engrandecimento”, afirma o comunicado.
Ainda segundo o comunicado, no dia 14 de Setembro de 2012, pelas 22h00, uma briga entre dois reclusos generalizou-se, tendo levado ao envolvimento de outros presos, transformando-se num motim, que obrigou à intervenção das forças da ordem. Na manhã de 15 de Setembro do ano passado, quando se procedia à investigação do motim, num clima de elevada tensão, agentes em serviço exacerbaram nas suas atribuições, tendo-se registado o acto ­revelado nas imagens que circulam na Internet. A nota do Ministério do Interior informa que foram accionados os procedimentos internos. Uma comissão de inquérito encarregada de averiguar o caso constatou irregularidades que, pela sua gravidade, obrigaram à tomada de medidas urgentes pelo Ministério do Interior, nomeadamente a suspensão dos responsáveis do estabelecimento prisional de Viana. (jornaldeangola.com)

- Publicidade -
- Publicidade -

Produtos deteriorados: SIC e AAAC desmantelam rede no Sambizanga

A Brigada de Delitos Económicos afectos ao Serviço de Investigação Criminal (SIC) com o apoio da Associação Angolana de Ajuda ao Consumidor (AAAC), ‘desmantelou’...
- Publicidade -

Huambo: Manifestações colocam UNITA e Polícia Nacional de costas viradas

De acordo com o maior partido na oposição, a Polícia Nacional, atacou a tiros, na noite desta quarta-feira, 28, a sede da UNITA na...

Suspeito de esconder celular em busca da nona fase da Operação Calvário é preso pela PF, na PB

Aparelho foi localizado na casa de ex-assessor de conselheiro do Tribunal de Contas da Paraíba. Operação investiga esquema de desvio de recursos da saúde...

Tenet chega aos cinemas brasileiros

Adiado várias vezes por causa da pandemia de coronavírus, "Tenet" finalmente estreou nos cinemas brasileiros nesta quinta (29/10), mas sem causar o furor imaginado...

Notícias relacionadas

Produtos deteriorados: SIC e AAAC desmantelam rede no Sambizanga

A Brigada de Delitos Económicos afectos ao Serviço de Investigação Criminal (SIC) com o apoio da Associação Angolana de Ajuda ao Consumidor (AAAC), ‘desmantelou’...

Huambo: Manifestações colocam UNITA e Polícia Nacional de costas viradas

De acordo com o maior partido na oposição, a Polícia Nacional, atacou a tiros, na noite desta quarta-feira, 28, a sede da UNITA na...

Suspeito de esconder celular em busca da nona fase da Operação Calvário é preso pela PF, na PB

Aparelho foi localizado na casa de ex-assessor de conselheiro do Tribunal de Contas da Paraíba. Operação investiga esquema de desvio de recursos da saúde...

Tenet chega aos cinemas brasileiros

Adiado várias vezes por causa da pandemia de coronavírus, "Tenet" finalmente estreou nos cinemas brasileiros nesta quinta (29/10), mas sem causar o furor imaginado...

Covid-19: Angola anuncia 371 recuperados e 289 novos casos

As autoridades sanitárias anunciaram, nesta sexta-feira, o registo de 371 recuperados, 289 novas infecções e quatro óbitos, nas últimas 24 horas, no país. Segundo o...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.