- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Portugal Salário mínimo divide Costa e Seguro

Salário mínimo divide Costa e Seguro

ng2371609Embora a direção do PS desminta, a convergência entre António José Seguro e António Costa está mais difícil do que ambas as partes querem aparentar.

Está em causa a elaboração de uma “Base Comum Orientação Estratégica” para o PS. Uma das questões que divide o líder do partido e o presidente da câmara é o salário mínimo nacional (SMN).
Costa defende que o salário mínimo deve ser objecto imediatamente de uma atualização extraordinária, enquanto que Seguro considera que deve manter em linha com a produtividade nacional – ou seja, congelado, como todos os restantes salários determinados pelo Estado (e em sintonia com o que defende a ‘troika’).
A direção do PS, no entanto, desmente esta versão dos factos, dizendo que neste aspecto há “convergência” entre as duas partes, defendendo Seguro o mesmo que Costa, ou seja, que deve haver um aumento extraordinário do SMN, estando apenas a ser discutida entre os dois os “termos concretos” em que esse argumento deve ser plasmado na tal “Base Comum de Orientação Estratégica”. Ler mais

(dn.pt)

- Publicidade -
- Publicidade -

Bancada Central: A ética que não mora no desporto

A campanha para as eleições nas principais federações desportivas nacionais segue o seu curso normal, com os candidatos e respectivos coadjutores a desdobrarem-se em...
- Publicidade -

David Mendes condena atitude da UNITA por participar da manifestação

O deputado David Mendes, que tem ligações com a UNITA, explicou que faz o uso da sua liberdade de expressão para dizer que o...

Ana Gomes sobe à custa de Marcelo e Ventura

A candidata da área socialista é cada vez mais a pretendente a Belém com maior margem para impedir uma reeleição retumbante de Marcelo. Ana...

Burlas “matam” sonho da casa própria de milhares de famílias

Das dezenas de projectos imobiliários lançados no auge da construção em Luanda, muitos foram parar à barra do tribunal por burlas aos clientes, que...

Notícias relacionadas

Bancada Central: A ética que não mora no desporto

A campanha para as eleições nas principais federações desportivas nacionais segue o seu curso normal, com os candidatos e respectivos coadjutores a desdobrarem-se em...

David Mendes condena atitude da UNITA por participar da manifestação

O deputado David Mendes, que tem ligações com a UNITA, explicou que faz o uso da sua liberdade de expressão para dizer que o...

Ana Gomes sobe à custa de Marcelo e Ventura

A candidata da área socialista é cada vez mais a pretendente a Belém com maior margem para impedir uma reeleição retumbante de Marcelo. Ana...

Burlas “matam” sonho da casa própria de milhares de famílias

Das dezenas de projectos imobiliários lançados no auge da construção em Luanda, muitos foram parar à barra do tribunal por burlas aos clientes, que...

O tempo e o bom senso (IV)

1 - Há muito que acompanho a trajectória de Jorge Valdano, um argentino com invejável percurso no mundo do futebol (jogador, treinador, dirigente e...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.