- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Cultura Músico Caló Pascoal torna-se activista do INAC

Músico Caló Pascoal torna-se activista do INAC

Luanda – O músico angolano Caló Pascoal está designado para desempenhar as funções de activista dos direitos da criança,  pelo Instituto Nacional da Criança (INAC), mercê de um convite formal a si endereçado por aquela instituição.

O facto foi confirmado hoje, sexta-feira, à Angop, pelo próprio artista, que se mostrou regozijado com a escolha e prometeu ajudar a sensibilizar as famílias a protegerem os pequenos e fazerem cumprir cabalmente os seus direitos.

Caló Pascoal explicou que já vinha a colaborar com a instituição há algum tempo, tendo participado em alguns eventos de fórum recreativo, mas agora tem a missão de servir de elo entre as famílias e o INAC.

“Eu já participei de alguns eventos do INAC, como concursos.  Agora convidaram-me para trabalhar na sensibilização das famílias. Aquelas famílias que não podem chegar directamente à instituição, podem encaminhar-me as suas preocupações,  para eu leva-las às autoridades competentes”, referiu.

O autor de “Fim de Mundo”, “Fé” e “Santa Mariazinha” disse acreditar que a sua escolha deve-se também ao facto de estar a concluir o curso superior de direito, razão por que se mostra inteiramente ao dispor do INAC.

“O nosso acordo é por tempo indeterminado. Mas ainda que eu me desvincule deles, continuarei a prestar a minha colaboração na defesa dos direitos da criança”, prometeu.

Produtor, compositor e intérprete, o artista iniciou a carreira nos anos 90, como bailarino, e logo depois virou dj. O seu trajecto musical começou em 92-93, com o grupo Necaf Brothers, um dos primeiros a surgir na senda da “febre” do género kuduro.

Lançou o seu primeiro disco a solo em 2002, com o título “Fé”, que teve como destaque os temas “Está Amarrado” e “Onde Estás Rosita”.

Em 2005 publicou o segundo disco, intitulado Santa Mariazinha, que integrou as músicas “Fim do Mundo”, “Titiriti”, “Água da Chuva”, “Kizomba da Madrugada”, “Manteiga”, “Quebra Galho”, entre outros.

Fez publicar igualmente os projectos “Eu e Elas” e “Caló Pascoal e Amigos”, assim como “O Santo Desconfia”, gravado em dueto com Belisse dos Santos, a sua nova parceira musical no projecto Angola Tropical Show. (portalangop.co.ao)

- Publicidade -
- Publicidade -

Presidente da CEEAC defende construção de destinos comuns

O Presidente em Exercício da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC), Ali Bongo, declarou este domingo que a única forma de tornar...
- Publicidade -

Pressão sobre o kwanza abranda no próximo ano

Analistas da Fitch Solutions prevêem ligeira recuperação na produção interna do petróleo e taxam a média da inflação nos 21,9 por cento até ao...

Obras da transformadora de café podem ser concluídas em 2021

A província do Uíge poderá ter, até Maio de 2021, uma nova fábrica de transformação de café, com capacidade para movimentar 700 toneladas por...

Angolanos recorrem ao método “Fazer Sócia” para sobreviverem

Para poderem comprar alimentos cada vez mais caros famílias e indivíduos angolanos têm que “fazer sócia”, um acto que consiste na junção de valores...

Notícias relacionadas

Presidente da CEEAC defende construção de destinos comuns

O Presidente em Exercício da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC), Ali Bongo, declarou este domingo que a única forma de tornar...

Pressão sobre o kwanza abranda no próximo ano

Analistas da Fitch Solutions prevêem ligeira recuperação na produção interna do petróleo e taxam a média da inflação nos 21,9 por cento até ao...

Obras da transformadora de café podem ser concluídas em 2021

A província do Uíge poderá ter, até Maio de 2021, uma nova fábrica de transformação de café, com capacidade para movimentar 700 toneladas por...

Angolanos recorrem ao método “Fazer Sócia” para sobreviverem

Para poderem comprar alimentos cada vez mais caros famílias e indivíduos angolanos têm que “fazer sócia”, um acto que consiste na junção de valores...

Guiné-Bissau regista 14 novos casos para total de 2.403

A Guiné-Bissau registou na última semana 14 novos casos positivos para o novo coronavírus, num total de 2.403 infectados, e manteve o número de...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.