- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Portugal Governo diz que o “TGV morreu em Novembro de 2011” e isso...

Governo diz que o “TGV morreu em Novembro de 2011” e isso “é irreversível”

O secretário de Estado dos Transportes, Sérgio Monteiro, afirmou nesta quinta-feira que “o TGV morreu em Novembro de 2011”, altura em que foi cancelado por decisão do Conselho de Ministros, e que “este cancelamento é irreversível”.

Em conferência de imprensa, em Lisboa, o governante esclareceu que “o objectivo do Governo é ligar os portos do Sul – Setúbal, Sines e Lisboa – resto da Europa”, o que vai ser feito através do projecto Linha de Transporte de Mercadorias (LTM).

“O TGV está cancelado, esse cancelamento é irreversível e o projecto de Portugal é o projecto LTM” (Linha de Transporte de Mercadorias), reiterou o governante.

O secretário de Estado dos Transportes disse ainda que o projecto LTM reduz os custos para os exportadores em 40% e aumenta a capacidade de carga para os transportadores em 80%. Ler mais

(publico.pt)

- Publicidade -
- Publicidade -

Terminal de passageiros do Porto de Cabinda a 70% de execução

As obras do quebra-mar e do terminal de passageiros do Porto de Cabinda apresentam uma execução física de 65 e 70 por cento, anunciou,...
- Publicidade -

Município de Buco-Zau tem novo administrador

O governador de Cabinda, Marcos Nhunga, nomeou, nesta quarta-feira, Óscar Dilo, para exercer o cargo de administrador municipal de Buco-Zau, em substituição de José...

Feira junta empreendedores do Bengo no mercado do Panguila

Vinte e cinco jovens dos seis municípios da província do Bengo participam, de 30 a 31 deste mês, no mercado do Panguila, na 1ª...

Ministro quer programas agrícolas resilientes

O ministro das Relações Exteriores, Téte António, destacou, nesta quarta-feira, a necessidade de se construir e tornar resilientes os sistemas da agricultura e das...

Notícias relacionadas

Terminal de passageiros do Porto de Cabinda a 70% de execução

As obras do quebra-mar e do terminal de passageiros do Porto de Cabinda apresentam uma execução física de 65 e 70 por cento, anunciou,...

Município de Buco-Zau tem novo administrador

O governador de Cabinda, Marcos Nhunga, nomeou, nesta quarta-feira, Óscar Dilo, para exercer o cargo de administrador municipal de Buco-Zau, em substituição de José...

Feira junta empreendedores do Bengo no mercado do Panguila

Vinte e cinco jovens dos seis municípios da província do Bengo participam, de 30 a 31 deste mês, no mercado do Panguila, na 1ª...

Ministro quer programas agrícolas resilientes

O ministro das Relações Exteriores, Téte António, destacou, nesta quarta-feira, a necessidade de se construir e tornar resilientes os sistemas da agricultura e das...

MPLA consternado pela morte do nacionalista Horácio Brás

O Bureau Político do Comité Central do MPLA manifestou, nesta quarta-feira, consternação pela morte do nacionalista Horário Pereira Brás, ocorrido na passada terça-feira, 27,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.