- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Regiões Huíla vai formar os seus próprios engenheiros

Huíla vai formar os seus próprios engenheiros

A província angolana da Huíla vai começar a formar em 2013 os primeiros engenheiros nas várias especialidades com a entrada em funcionamento do Instituto Superior Politécnico.

A infraestrutura inaugurada em 2012 vai na primeira fase dar oito dos dezassete cursos previstos nomeadamente, engenharia de mecânica, agronomia, informática, geologia, computação, zooveterinária e minas.

O director-geral adjunto para os assuntos académicos, Castilho Cacumba, anunciou que a escolha dos cursos teve em conta as necessidades de quadros em áreas específicas na região;

“ Se nós olharmos para os eixos que definem o próprio desenvolvimento da província da Huíla que é a área da agropecuária, área de exploração mineira a área da indústria poderão ter verificado que nós estamos a criar condições para formar indivíduos capazes de responder as próprias exigências da região”.

O instituto com capacidade para 1.200 alunos arranca no presente ano com 800 estudantes. Por outro lado 60 professores dez dos quais estrangeiros provenientes de Cuba e Portugal garantirão o arranque do ano lectivo.

O director-geral do Instituto Superior Politécnico da Huíla, Sahando Neto, fez saber que os docentes estrangeiros irão ministrar cadeiras nucleares. Manuel Sahando Neto garantiu que o objectivo é conferir qualidade e competência nos cursos.

“ Para que os cursos tenham um reconhecimento que estejam dotados de uma dinâmica de uma competência científica, há necessidade de começarmos bem,” disse. (voaportugues.com)

- Publicidade -
- Publicidade -

Renamo pede que Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional

A Renamo voltou a propor que o seu fundador e líder histórico Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional, uma proposta vista com bons olhos...
- Publicidade -

Moçambique: MDM acusa FRELIMO de atacar a sua comitiva em Inhambane

O partido no poder já negou as acusações da segunda maior força da oposição. Mesmo assim o MDM exige que a polícia esclareça o...

Beto Kaputo: “Fugimos com a farda e as armas portuguesas a partir de Cabinda”

“Boa tarde, eu sou o Beto Kaputo”. Foi assim que a equipa do Jornal OPAÍS foi recebida na residência deste general de três estrelas,...

Empresário condenado na Suíça por corrupção de quadros da Sonangol

A justiça suíça condenou ex-administrador de uma empresa holandesa, que reside em Portugal, por corrupção de vários quadros da petrolífera estatal angolana Sonangol. 5,8...

Notícias relacionadas

Renamo pede que Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional

A Renamo voltou a propor que o seu fundador e líder histórico Afonso Dhlakama seja declarado herói nacional, uma proposta vista com bons olhos...

Moçambique: MDM acusa FRELIMO de atacar a sua comitiva em Inhambane

O partido no poder já negou as acusações da segunda maior força da oposição. Mesmo assim o MDM exige que a polícia esclareça o...

Beto Kaputo: “Fugimos com a farda e as armas portuguesas a partir de Cabinda”

“Boa tarde, eu sou o Beto Kaputo”. Foi assim que a equipa do Jornal OPAÍS foi recebida na residência deste general de três estrelas,...

Empresário condenado na Suíça por corrupção de quadros da Sonangol

A justiça suíça condenou ex-administrador de uma empresa holandesa, que reside em Portugal, por corrupção de vários quadros da petrolífera estatal angolana Sonangol. 5,8...

Ministério da Educação descontente com a suspensão das aulas presenciais na Escola Portuguesa de Luanda

O Ministério da Educação (MED) angolano reagiu com "surpresa" e "desagrado" à decisão da Escola Portuguesa de Luanda de suspender as aulas presenciais, a...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.