- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Pirataria aumenta ao largo da África Ocidental

Pirataria aumenta ao largo da África Ocidental

O Centro disse que os proprietários do petroleiro informaram ter perdido contacto com o navio no domingo, e suspeitam que tenha sio sequestrado no alto mar.

A última localização conhecida do petroleiro dava-o a 70 quilómetros a sul de Abidjan, principal cidade comercial da Costa do Marfim.

O petroleiro tem bandeira do Luxemburgo e é propriedade de franceses. A bordo tem 17 marinheiros.

A confirmar-se o sequestro será o segundo ao largo da Costa do Marfim no espaço de três semanas. No mês passado, os piratas sequestraram um navio com 5 mil toneladas de petróleo quando e preparava para descarregar em Abidjan. Os sequestradores roubaram toda carga antes de libertarem o barco e a tripulação.

A pirataria está a aumentar ao largo da costa da África Ocidental apesar de não ter, ainda, chegado ao mesmo nível da pirataria na outra costa africana, na zona da Somália.

Neste momento há avisos de possíveis actos de pirataria para navios viajando perto dos portos do Benin, Togo e Nigéria para além da Costa do Marfim. Adverte ainda para que os piratas nesta região são frequentemente violentos.

(voaportugues.com)

- Publicidade -
- Publicidade -

Burlas “matam” sonho da casa própria de milhares de famílias

Das dezenas de projectos imobiliários lançados no auge da construção em Luanda, muitos foram parar à barra do tribunal por burlas aos clientes, que...
- Publicidade -

O tempo e o bom senso (IV)

1 - Há muito que acompanho a trajectória de Jorge Valdano, um argentino com invejável percurso no mundo do futebol (jogador, treinador, dirigente e...

Joana Lina, GPL: “Manifestação foi acto de vandalismo”

Durante a marcha realizada por membros da sociedade civil e apoiada pela UNITA, foram queimadas motas e destruídos contentores de lixo, além do impedimento...

Polícia frustra manifestação não autorizada em Luanda

A Policia Nacional frustrou ontem a realização de uma manifestação não autorizada pelas autoridades, por força das medidas restritivas de prevenção e combate à...

Notícias relacionadas

Burlas “matam” sonho da casa própria de milhares de famílias

Das dezenas de projectos imobiliários lançados no auge da construção em Luanda, muitos foram parar à barra do tribunal por burlas aos clientes, que...

O tempo e o bom senso (IV)

1 - Há muito que acompanho a trajectória de Jorge Valdano, um argentino com invejável percurso no mundo do futebol (jogador, treinador, dirigente e...

Joana Lina, GPL: “Manifestação foi acto de vandalismo”

Durante a marcha realizada por membros da sociedade civil e apoiada pela UNITA, foram queimadas motas e destruídos contentores de lixo, além do impedimento...

Polícia frustra manifestação não autorizada em Luanda

A Policia Nacional frustrou ontem a realização de uma manifestação não autorizada pelas autoridades, por força das medidas restritivas de prevenção e combate à...

MINSA teme colapso do sistema de Saúde

O secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, considerou sábado, em Luanda, que o aumento de infecções por Covid-19 no país pode...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.