- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola País homenageia heróis que se sacrificaram pela Independência Nacional

País homenageia heróis que se sacrificaram pela Independência Nacional

Angola rende hoje, segunda-feira, uma homenagem a todos que a 4 de Fevereiro de 1961 se sacrificaram para que Angola fosse um país independente e soberano, declarou o ministro da administração do território, Bornito de Sousa.

O governante discursava no acto central das comemorações do 52º aniversário da luta armada de libertação nacional, em Xangongo (Cunene), em representação do Presidente da República, José Eduardo dos Santos.

Lembrou que a 4 de Fevereiro de 1961, um grupo de patriotas angolanos, aproveitando a concentração em Luanda de jornalistas estrangeiros para cobrir a chegada do paquete
“Santa Maria”, desviado pelo general português Henriques Galvão, opositor ao regime de Salazar, atacou apenas com catanas a cadeia de São Paulo e a Casa de Reclusão, ambas em Luanda, para libertar os presos políticos que aí se encontravam.

“Os heróis do 4 de Fevereiro enfrentaram o exército e a polícia coloniais apenas com catanas na mão, e a data é assim considerada e celebrada como a do início da luta
armada de libertação nacional, sendo actualmente feriado nacional.

Sublinha que a luta iniciada expandiu-se progressivamente para todo o território nacional, tendo culminado com a vitória sobre o regime colonial a 25 de Abril de 1974 e com a proclamação da Independência Nacional a 11 de Novembro de 1975.

Bornito de Sousa referiu que a luta armada não foi a primeira opção dos patriotas angolanos, sendo que dela só fizeram recurso quando o regime colonial fechara todas as
portas para uma solução negociada do problema colonial e da independência de Angola.

A luta arma e a política conjugadas, bem como a união de esforços das ex-cóloniais acabaram por conduzir a queda do regime português, recordou o governante. (portalangop.co.ao)

- Publicidade -
- Publicidade -

PGR diz que não existe mandado de detenção contra o antigo primeiro-ministro guineense

O Procurador geral da República, Fernando Gomes, disse que o ministério público não emitiu ainda nenhum mandado de detenção contra o antigo primeiro-ministro, Aristides...
- Publicidade -

José Carlos Delgado eleito Provedor de Justiça de Cabo Verde

O antigo presidente do Tribunal de Contas, José Carlos Delgado, foi confirmado pelo Parlamento, como o novo Provedor de Justiça de Cabo Verde. Parlamento aprovou...

A economia moçambicana cresce mas não cria poupança, alertam especialistas

Pouco mais de 36 por cento da população moçambicana adulta tem conta bancária. Moçambique assinala o Dia Internacional da Poupança, amanhã, 31, com o reconhecimento...

Ministério da Família preocupado com assédio moral e sexual

O Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher (MASFAMU) apontou haver preconceito de género, assédio moral e sexual nas instituições de defesa...

Notícias relacionadas

PGR diz que não existe mandado de detenção contra o antigo primeiro-ministro guineense

O Procurador geral da República, Fernando Gomes, disse que o ministério público não emitiu ainda nenhum mandado de detenção contra o antigo primeiro-ministro, Aristides...

José Carlos Delgado eleito Provedor de Justiça de Cabo Verde

O antigo presidente do Tribunal de Contas, José Carlos Delgado, foi confirmado pelo Parlamento, como o novo Provedor de Justiça de Cabo Verde. Parlamento aprovou...

A economia moçambicana cresce mas não cria poupança, alertam especialistas

Pouco mais de 36 por cento da população moçambicana adulta tem conta bancária. Moçambique assinala o Dia Internacional da Poupança, amanhã, 31, com o reconhecimento...

Ministério da Família preocupado com assédio moral e sexual

O Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher (MASFAMU) apontou haver preconceito de género, assédio moral e sexual nas instituições de defesa...

Medidas sanitárias adiaram projecções da Organização Mundial da Saúde

As medidas sanitárias adoptadas permitiram com que o país adiasse, por três meses, a cifra dos dez mil casos de Covid-19, prevista para Junho,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.