- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Novo ano lectivo em Angola: Governo diz que não pode haver aulas...

Novo ano lectivo em Angola: Governo diz que não pode haver aulas com mais de 45 alunos

O sindicato nacional dos professores de Angola disse que ainda não foram cumpridos muitos dos compromissos assumidos pelo governo para colmatar as insuficiências no sistema de educação do país.

O governo disse no entanto que para o presente ano lectivo foi resolvida a questão dos jovens que ficam de fora do sistema de ensino uma vez que foram construídas em 2012 o número suficiente de escolas.

O governo anunciou por outro lado que para este ano lectivo o número de alunos por turma não deve ultrapassar os 45, tanto para o ensino publico como privado.

Luísa Grilo, secretária de estado para o ensino geral, avisou que a constituição de turmas vai ser fiscalizada pelo governo e as direcções da escolas foram avisadas para observarem esta orientação.

“Em termos ideais seriam bom que cada turma, sobretudo no ensino primário não tivesse mais de 35 alunos,” disse Luísa Grilo acrescentando contudo que o governo está ciente que isso não é possível porque não há escolas suficientes para atender à demanda.

“ O que é humanamente possível é que haja 45 alunos por turma,” acrescentou.

O secretário-geral adjunto do sindicato nacional dos professores, Manuel Victória Pereira, disse que é preciso aguardar para ver se a directiva vai ser implementada.

Apoiou contudo a medida afirmando que o bom ensino não pode ser feito em turmas superlotadas. (voaportugues.com)

- Publicidade -
- Publicidade -

João Lourenço responsabiliza UNITA de incitar jovens à desobediência civil

Presidente angolano diz esperar que jornalistas não venham a ser detidos, mas adverte que autoridades vão manter a ordem. O Presidente angolano responsabilizou a UNITA...
- Publicidade -

Manifestação: Tribunal está a interrogar os detidos à porta fechada – Por dia serão ouvidos cerca de 20 cidadãos

Entre os primeiros cidadãos, do grupo dos 103 detidos, ouvidos esta terça-feira no Tribunal Provincial de Luanda "Palácio D. Ana Joaquina", está o secretário-geral...

Marido de Isabel dos Santos morre afogado no Dubai

O marido de Isabel dos Santos, Sindika Dokolo, morreu num acidente no mar no Dubai. A notícia está a ser avançada por jornais internacionais....

Angola substitui Código Penal da era colonial

A Assembleia Nacional aprovou hoje, terça-feira, 27, o novo Código Penal, com 167 votos a favor, nenhum contra, e a abstenção de dois deputados...

Notícias relacionadas

João Lourenço responsabiliza UNITA de incitar jovens à desobediência civil

Presidente angolano diz esperar que jornalistas não venham a ser detidos, mas adverte que autoridades vão manter a ordem. O Presidente angolano responsabilizou a UNITA...

Manifestação: Tribunal está a interrogar os detidos à porta fechada – Por dia serão ouvidos cerca de 20 cidadãos

Entre os primeiros cidadãos, do grupo dos 103 detidos, ouvidos esta terça-feira no Tribunal Provincial de Luanda "Palácio D. Ana Joaquina", está o secretário-geral...

Marido de Isabel dos Santos morre afogado no Dubai

O marido de Isabel dos Santos, Sindika Dokolo, morreu num acidente no mar no Dubai. A notícia está a ser avançada por jornais internacionais....

Angola substitui Código Penal da era colonial

A Assembleia Nacional aprovou hoje, terça-feira, 27, o novo Código Penal, com 167 votos a favor, nenhum contra, e a abstenção de dois deputados...

Manifestação: Comité para a Protecção dos Jornalistas acusa polícia de perseguição e intimidação a jornalistas e exige medidas que garantam a liberdade de imprensa

O Comité para a Protecção dos Jornalistas (CPJ, sigla em inglês), com sede em Nova Iorque, EUA, critica fortemente a polícia angolana por ter...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.