- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia Angola vai comprar locomotivas da General Electric

Angola vai comprar locomotivas da General Electric

Luanda – Angola vai comprar, a partir do segundo semestre deste ano, locomotivas da americana General Electric (GE), em quantidades ainda por se determinar, anunciou hoje, em Luanda, o director do Instituto Nacional do Caminhos de Ferro de Angola, Júlio, Bango Joaquim.
Em declarações à imprensa, no final de uma audiência que o ministro dos Transportes, Augusto da Silva Tomás, concedeu ao presidente da GE, Jeff Immelt, o director disse que Angola tem necessidade de muitas locomotivas sobretudo para o transporte de minérios.
Para se ter uma ideia das necessidades de locomotivas, disse o responsável angolano, o Caminho de Ferro de Moçâmedes (CFM), em 1976, tinha pelo menos 72 locomotivas para o transporte de minérios, da Jamba mineira e de Chamutete até ao porto do Namibe, e, provavelmente, este número será duplicado.
Justificou também que todas as linhas férreas do país estão reabilitadas e que a pressão exercida pelo mercado, sobretudo com o transporte de mineiro, terá que se aumentar a capacidade de tracção.
Júlio Joaquim disse que o preço de uma locomotiva ronda à volta de 200 milhões de kwanzas e, por serem encomendas bastante elevadas, far-se-á de forma faseada. Acrescentou que a partir do final deste ano a empresa americana General Electric poderá fazer as primeiras entregas.
Referiu também que o fabrico de uma locomotiva pode durar pelo menos oito meses.
O director do instituto informou também que a cooperação com a GE inclui formação de quadros, para aprender a manusear as máquinas, e proceder à assistência técnica.
Angola já tem uma relação tradicional com a General Electric consubstanciada na aquisição de locomotivas e vagões, no passado. (portalangop.co.ao)
- Publicidade -
- Publicidade -

Ana Gomes sobe à custa de Marcelo e Ventura

A candidata da área socialista é cada vez mais a pretendente a Belém com maior margem para impedir uma reeleição retumbante de Marcelo. Ana...
- Publicidade -

Burlas “matam” sonho da casa própria de milhares de famílias

Das dezenas de projectos imobiliários lançados no auge da construção em Luanda, muitos foram parar à barra do tribunal por burlas aos clientes, que...

O tempo e o bom senso (IV)

1 - Há muito que acompanho a trajectória de Jorge Valdano, um argentino com invejável percurso no mundo do futebol (jogador, treinador, dirigente e...

Joana Lina, GPL: “Manifestação foi acto de vandalismo”

Durante a marcha realizada por membros da sociedade civil e apoiada pela UNITA, foram queimadas motas e destruídos contentores de lixo, além do impedimento...

Notícias relacionadas

Ana Gomes sobe à custa de Marcelo e Ventura

A candidata da área socialista é cada vez mais a pretendente a Belém com maior margem para impedir uma reeleição retumbante de Marcelo. Ana...

Burlas “matam” sonho da casa própria de milhares de famílias

Das dezenas de projectos imobiliários lançados no auge da construção em Luanda, muitos foram parar à barra do tribunal por burlas aos clientes, que...

O tempo e o bom senso (IV)

1 - Há muito que acompanho a trajectória de Jorge Valdano, um argentino com invejável percurso no mundo do futebol (jogador, treinador, dirigente e...

Joana Lina, GPL: “Manifestação foi acto de vandalismo”

Durante a marcha realizada por membros da sociedade civil e apoiada pela UNITA, foram queimadas motas e destruídos contentores de lixo, além do impedimento...

Polícia frustra manifestação não autorizada em Luanda

A Policia Nacional frustrou ontem a realização de uma manifestação não autorizada pelas autoridades, por força das medidas restritivas de prevenção e combate à...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.