Terça-feira, Fevereiro 7, 2023
9.3 C
Lisboa

Ministro da Saúde exalta outorga do “honoris causa” a Gomes Sambo

Lisboa (do correspondente) – O ministro angolano da Saúde, José Van-Dúnem, exaltou a outorga do título de “doutor honoris causa”, atribuído, segunda-feira, ao director regional da Organização Mundial da Saúde (OMS) para África, o angolano Luís Gomes Sambo, pela Universidade Nova de Lisboa.

Em declarações à Angop, no final da cerimónia, José Van-Dúnem considerou ser “uma grande satisfação o facto de uma prestigiada instituição como a Universidade Nova de Lisboa, através do seu Instituto de Higiene e Medicina Tropical (IHMT), ter concedido o título de “doutor honoris causa” ao médico Luís Gomes Sambo”.

Para o governante angolano, a atribuição do título a Luís Gomes Sambo “é o reconhecimento do esforço por ele realizado, em particular, para a melhoria da saúde dos angolanos, quando foi membro o governo de Angola, e para a saúde dos africanos, em geral”.

É ainda, adiantou, “grande oportunidade para a Universidade Nova aproveitar, com base na experiência que tem das questões africanas, ajudar os países africanos de expressão portuguesa a enfrentar os desafios que a modernidade coloca aos nossos países”.

Como desafios para essa ajuda, citou “as alterações climáticas, a crise mundial que diminui a capacidade de financiamento dos serviços de saúde, as dificuldades da alteração do padrão epidemiológico das doenças crónicas e transmissíveis e que exigem que os sistemas de saúde sejam mais eficientes e efectivos, permitindo que as populações se sintam beneficiadas”.

Também presente na cerimónia, o decano da Faculdade de Medicina, da Universidade Agostinho Neto (UAN), Miguel Bettencourt, disse à Angop que “o acto tem um significado múltiplo para o país, designadamente para a UAN, que é a instituição onde o Luís Gomes Sambo se formou, e para Angola, que fica reconhecido inequivocamente o mérito dos profissionais e da universidade”.

Destacou ainda que o momento “evidencia as linhas de cooperação que o país tem com o exterior, assim como o mérito e a grande competência de desempenho que Luís Gomes Sambo teve”.

“É a todos os títulos um grau que orgulha todos os angolanos”, afirmou ainda Miguel Bettencourt. (portalangop.co.ao)

POSTAR COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

- Publicidade -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Rosa Parks, ícone do movimento negro nos EUA

Em 1955, ativista entrou para a história ao se negar a ceder seu lugar no ônibus para um homem...

Artigos Relacionados

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
  • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
  • Radio Calema
  • Radio Calema