Segunda-feira, Fevereiro 6, 2023
8.6 C
Lisboa

Polícia Económica vai levar especuladores ao Tribunal

Luanda – Os comerciantes que aumentarem os preços dos produtos, durante a quadra festiva, serão levados ao tribunal, advertiu, no distrito urbano da Ingombota em Luanda, o chefe do departamento jurídico da  Polícia Económica, Paulo de Jesus.

Em declarações hoje à Angop, o responsável disse que a Polícia Económica lançou esta semana um plano de asseguramento contra os especuladores, durante a quadra festiva.

Acrescentou que o plano visa prevenir práticas de açambarcamento, combater a especulação durante a quadra festiva, acompanhar o abastecimento e comercialização de produtos e verificar a sua qualidade.

Questionado sobre as especulações do preço do gás butano e da corrida do taxi, registada nos útimos dias, disse que os especuladores incorrem ao crime de especulação, sendo por isso caso de Polícia.

“No caso do gás butano estamos a falar de um produto cujo preço fixo é de 440 kwanzas cada botija de 12 quilogramas, e neste caso os agentes económicos que estão aumentar os preços incorrem ao crime de especulação punível nos termos do artigo 276 do Código Penal”, esclareceu.

Quanto aos taxistas, que sobem a corrida de 100 para 200 kwanzas e encurtam as rotas, referiu que diariamente a Policia Económica procura combater e prevenir esta prática,  levando os prevaricadores as  barra dos tribunais.

“A Policia Económica, enquanto órgão de prevenção aos crimes económicos tem estado a fazer o seu trabalho, no sentido de desencorajar esta prática, levando-os ao tribunal, para as consequências jurídicas que se impõem, afirmou.

No entanto, a Polícia Económica alerta a população a ter cuidado com os produtos expostos nas lojas durante a quadra festiva, com destaque para os rótulos, caducidade, apresentação, aspecto comercial, prazo de validade.

Por outro lado, pede aos taxistas para não aumentarem o preço da corrida, não encurtarem as rotas e nem embaraçar o trânsito, pois quem for apanhado será encaminhado para o tribunal.

Angop constatou que a botija de gás de 12 quilogramas está a ser comercializada ao preço de três a quatro mil kwanzas e segundo a Polícia Económica os especuladores são punidos, de acordo com a Lei, com o pagamento de uma multa de 120 mil kwanzas.

(portalangop.co.ao)

POSTAR COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

- Publicidade -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Beyoncé está perto de se tornar artista com maior número de Grammys

Beyoncé conquistou dois Grammys na tarde deste domingo, na pré-gala da premiação mais prestigiada da indústria da música, onde...

Artigos Relacionados

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
  • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
  • Radio Calema
  • Radio Calema