Domingo, Fevereiro 5, 2023
6.3 C
Lisboa

Bacalhau:Alimento que previne doenças cardiovasculares

O bacalhau foi introduzido na nossa alimentação pelos portugueses, que durante as grandes pescarias já realizavam o processo comum de salga do pescado desde o século XIV, época das grandes navegações. O bacalhau possui proteínas de alto valor biológico nas suas composições e, como é um alimento seco, estas estão presentes em maior quantidade comparada com um peixe fresco. Estudos demonstram que ele é aconselhado para a saúde porque ajuda na prevenção de doenças cardiovasculares e protege o cérebro contra o mal de Alzheimer. Além de ser de fácil digestão é rico em proteínas e minerais, como ferro, fósforo e magnésio, e vitaminas.

Dicas:Como
combater
mau hálito

O mau hálito é um dos problemas de saúde oral mais desagradáveis. Tanto para quem sofre desse mal quanto para quem convive com alguém com o problema. Mas há solução. Confira a seguir oito dicas simples para o combater:

1. Beba água. Além de vários outros benefícios, a água ajuda a evitar o mau hálito já que, em muitos casos, este é causado pela boca estar seca ou com pouca saliva. É por isso, inclusive, que o hálito não costuma estar assim tão “fresco” quando acordamos.

2.
Escove os dentes. Não se esqueça de escovar os dentes sempre após as refeições e, também, antes de dormir (já que é no período da noite que as bactérias têm mais tempo para agir).

3
. Use fio dental. O gosto desagradável na boca pode dever-se a sujidade acumulada entre os dentes ou ao próprio tártaro. Passe o fio dental ao menos uma vez ao dia (ou mais, dependendo do que o seu dentista recomendar).

4.
Escove a língua. A higiene oral não está completa se não escovarmos com suavidade a língua (pode ser mesmo com a escova e pasta de dentes), para retirar acúmulos de comida que ficam na superfície dela e retirar uma camada de bactérias que ela pode concentrar.

5.
Cuide da alimentação. Dietas radicais que cortam totalmente hidratos de carbono tendem a causar mau hálito. Reconsidere e tente ao menos comer uma fatiazinha de pão ao dia. Além disso, há certos alimentos, como maçã, cenouras e pepino, que quando comidos crus “raspam” os dentes e funcionam como ajudantes do fio dental.

6.
A boca não é a única suspeita. Nalguns casos, o problema pode ser mais em baixo, literalmente. O esófago ou o estômago podem ser a causa, em especial em casos de refluxo ou gastrite. Na dúvida, comece o diagnóstico num dentista, mas não descarte uma ida a um clínico geral ou gastrenterologista se as coisas não melhorarem. (jornaldeangola.com)



 

POSTAR COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

- Publicidade -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Delfim Neves denuncia “caça às bruxas” em São Tomé

Delfim Neves teme pela própria vida e diz pairar em São Tomé uma sensação de "caça às bruxas". Em...

Artigos Relacionados

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
  • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
  • Radio Calema
  • Radio Calema