Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Federação aguarda aval do Comité Internacional

A disputa do Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins que Angola vai albergar em Setembro de 2013, nas cidades de Luanda e Namibe, está dependente da aprovação do Comité Internacional de Rink Hokey, em finais de Agosto próximo.
O facto foi revelado pelo presidente da Federação Angolana de Patinagem (FAP), Carlos Alberto Jaime “Calabeto”, que falava em entrevista ao canal desportivo da Rádio Nacional de Angola, ao descrever o nível de execução dos trabalhos preparatórios. O presidente da FAP disse, por outro lado, que a apresentação oficial do mundial será feita dias antes do lançamento da primeira pedra para a construção dos três pavilhões, a serem erguidos nas cidades de Luanda, Malange e Namibe.
Carlos Alberto Jaime considerou ainda que a realização da 11ª edição do Torneio Internacional José Eduardo dos Santos, a decorrer de 15 a 19 de Agosto na cidade do Huambo, com a participação de seis países, vai servir para promover a competição, que o continente africano vai acolher pela primeira vez.
“O objectivo principal deste torneio é o de promover o Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins, que o nosso país vai acolher no próximo ano, com as selecções do Brasil, Colômbia, Moçambique, Chile e Alemanha, e tentar aproximar a modalidade a um emblema de massificação a nível das províncias que vão albergar a prova”, indicou.
De acordo com o presidente da FAP, os trabalhos de restauração do pavilhão Osvaldo Serra Van-Dúnen, que consiste na reparação do piso, balneários, pintura interior e exterior, decorrem a bom ritmo.
“O principal problema, neste momento, prende-se com o placar electrónico. Mas penso que, com a intervenção, vai estar solucionado”, acrescentou.
Depois de Luanda e do Namibe, a cidade do Huambo é a terceira a receber o torneio. A FAP está empenhada com as autoridades locais para que a província consiga desfrutar de uma prova de grande dimensão.

Quando às condições de alojamento das delegações, Carlos Alberto Jaime disse que, em princípio, a rede hoteleira local está à altura de responder às solicitações. “São um total de 100 pessoas, incluindo os membros do Comité Internacional de Rink Hockey, equipa de árbitros, bem como a imprensa nacional e internacional que fará a cobertura do torneio”, indicou.

Deixe uma comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »