InicioEconomiaRefriango instala fábrica no Huambo

Refriango instala fábrica no Huambo

O presidente da comissão executiva da Refriango,  Carlos Santos, anunciou na cidade do Huambo, a instalação da segunda unidade industrial da empresa, depois de Luanda, com capacidade para produzir mais de 100 mil hectolitros por ano de refrigerantes.
A futura fábrica fica localizada na área do Cambiote e vai ser instalada num terreno de dez hectares, nos arredores da cidade do Huambo. As obras, orçadas em mais de 400,7 milhões de kwanzas, terminam no primeiro trimestre do próximo ano.
O projecto foi aprovado durante a primeira sessão ordinária do Governo Provincial do Huambo.
O investimento vai proporcionar 315 novos postos de trabalho directos. Em declarações à Angop, Carlos Santos referiu que, numa primeira fase, a fábrica do Huambo vai produzir refrigerantes  das marcas como a “Blue”, “American Cola”, “Welwitschia”, “Nice Tea”, “Speed” e a “Red Cola”.
Carlos Santos informou que a instalação da unidade fabril já começou e começa a produzir no princípio de 2013 com duas linhas de produção na primeira fase e três na segunda.
O vice-governador para a área económica e produtiva do Huambo, Francisco Fato, destacou a importância da abertura da fábrica da Refriango, porque que vai contribuir para o desenvolvimento da província, no quadro do ressurgimento do parque industrial, e criar novos postos de trabalho para diminuir o índice de desemprego na juventude.
A unidade fabril vai igualmente incentivar os agricultores a produzir citrinos.

A empresa Refriango quer continuar na internacionalização. É das primeiras empresas angolanas a actuar em mercados internacionais, em dois continentes e sete países como Portugal, África do Sul, República Democrática do Congo, Namíbia, Moçambique, Benim e Congo Brazzaville.

Fonte: JA

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

4 COMENTÁRIOS

  1. Mais uma loja, desta vez no Huambo…. Sinal de que o pessoal do nível estratégico e tático não para de pensar no futuro de Angola no que tange a saciar a sede dos angolanos, definindo e espandindo o seu raio de atuação…. PARABENS… Bom progresso.

  2. Wau tudo indica que Angola continua a manter os pés firmes, rumos a progredir sozinho e fazer progredir as nações vizinhas. Também quero ajudar o meu País a cresçer neste ramo. O que faço para trabalhar convosco?

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.