InicioAngolaUSA: Romney garante nomeação republicana para defrontar Obama em Novembro

USA: Romney garante nomeação republicana para defrontar Obama em Novembro

O estado do Texas permitiu a Mitt Romney tornar oficial aquilo que já se sabia: o antigo governador do Massachusetts irá defrontar o actual Presidente norte-americano, Barack Obama, nas eleições presidenciais de Novembro próximo.

Já sem adversários na corrida republicana – o último a desistir da corrida tinha sido Ron Paul, que deixou de fazer campanha a 14 de Maio – Romney obteve 69% dos votos no Texas, equivalente a 97 dos 115 delegados à Convenção Republicana eleitos por este estado.

Consegue assim 1183 delegados, mais 39 do que os necessários para se pôr a salvo de qualquer surpresa na reunião magna dos republicanos, agendada para 27 a 30 de Agosto, na Florida. “A nossa campanha servirá para unir todos os americanos que sabem que nós podemos fazer melhor”, disse Romney, num email divulgado após a vitória no Texas.

Há quatro anos, este mesmo estado deixou Romney no quarto lugar, com 27.624 votos, muito longe do vencedor de então, John McCain. Desta vez, entregaram-lhe 982.965 votos, num cenário em que não havia concorrentes activos e em que Santorum, Paul e Newt Gingrich e outros conseguiram, ainda assim, mais de 430.000 votos. Um cenário natural, que não levanta obstáculos a Romney nem dá a ideia de que o partido esteja dividido nesta altura. Aliás, no campo democrata houve quem realçasse a forma célere como os republicanos cerraram fileiras em torno do candidato, como salientou Bill Richardson, governador democrata no estado do Novo México.

A três meses da convenção na Florida, Romney tem ainda assim muito a fazer para conquistar o eleitorado norte-americano que, segundo uma sondagem de há duas semanas, até estava à frente de Barack Obama (46% contra 43% das intenções de voto) – o actual Presidente estaria nessa altura a pagar a factura pelo apoio que deu explicitamente ao casamento entre pessoas do mesmo sexo, um assunto fracturante, que divide a população e os políticos.

Outros estudos de opinião dão 47% das intenções de voto a Obama, contra 45% em Romney (sondagem Gallup), com a média das sondagens (oito estudos de opinião) a dar a mesma diferença de dois pontos percentuais 45,6% contra 43,6%, com vantagem para Obama. No site Real Clear Politics, o gráfico da evolução das intenções de voto expressas em sondagens não deixa dúvidas sobre a maior proximidade entre os dois políticos que irão mesmo disputar o lugar na Casa Branca.

Fonte: PUBLICO

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.