InicioMundo LusófonoMissão de empresários da China e de Macau visita Portugal

Missão de empresários da China e de Macau visita Portugal

O antigo Chefe do Executivo da Região Administrativa Especial de Macau, Edmund Ho Hau Wah, vai estar em Portugal de 3 a 5 de Junho à frente de uma comitiva de empresários da China e de Macau, noticiou em Lisboa o jornal Diário Económico.

Comentando a deslocação da missão chefiada por Edmundo Ho Hau Wah, actualmente vice-presidente do Comité Nacional da Conferência Política Consultiva do Povo Chinês (CPPCC), que visa promover as relações económicas entre Portugal e a China, o presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), Pedro Reis, disse que “se a China é crucial para a abertura da economia portuguesa ao mercado asiático, Macau é certamente uma das portas de entrada privilegiadas a explorar pelas empresas portuguesas para entrarem no mercado chinês.”

A visita da comitiva, que chega no próximo domingo a Portugal, acontece poucos dias depois de ter ficado concluído o processo de venda de uma participação de 25% da Redes Energéticas Nacionais (REN) à chinesa State Grid Corporation.

Em declarações à agência noticiosa portuguesa Lusa, Pedro Reis disse que a entrada de capital da China nas empresas portuguesas que estão a ser privatizadas abre “uma avenida de crescimento e de futuro.”

À margem de um seminário sobre oportunidade de investimento e cooperação em Portugal, o presidente da AICEP adiantou que o programa de privatizações “tem corrido muito bem a Portugal” e que “é muito importante porque assegura o crescimento dessas mesmas empresas que estão a ser privatizadas, atrai investimento externo para Portugal, poupanças e capitais”, citando os casos da EDP e da REN como “um excelente exemplo.”

Pedro Reis acrescentou que a relação com os mercados de Macau e da China não se esgota no programa de privatizações do governo português e, ao afirmar o interesse da AICEP em “trabalhar com mais indústrias e com mais províncias da China”, defendeu que “Macau é a localização natural para as empresas portuguesas e a província de Guangdong é certamente o próximo passo.”

Fonte: macauhub

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.