InicioDesportoFutebol e desporto adaptado dominam semana desportiva

Futebol e desporto adaptado dominam semana desportiva

Luanda – A selecção nacional de futebol venceu sexta-feira em Portugal o Académica de Coimbra, por 2-0, na preparação para o confronto de dia 3 de Junho com o Uganda, para as qualificativas ao mundial no Brasil em 2014, numa semana em que predominou
o desporto “Rei” e o adaptado.
No confronto dos Palancas Negras, os golos foram apontados por Bastos e auto-golo de João. O próximo amistoso acontece terça-feira frente à Macedónia.
Tratou-se do terceiro confronto dos liderados por Romeu Filemon tendo em conta a recepção aos ugandeses, no estádio 11 de Novembro, depois de dia 16 terem empatado a zero com a Zâmbia (no 11 de Novembro) e da vitória quarta-feira na Cidadela de 3-1
com um misto de atletas estrangeiros que actuam no país.
Do Girabola2012, quinta-feira o campeão nacional Recreativo do Libolo foi incapaz de manter o ciclo de vitórias ao consentir um empate nulo na vila de Calulo diante do Interclube, em jogo em atraso pontuável para a quarta jornada.
Apesar da repartição de pontos, a formação do Kwanza Sul mantém-se líder com 32 pontos. O ASA ocupa a 2º posição com (25), em terceiro 1º de Agosto (24), 4º Petro Atlético (21) e 5º Progresso do Sambizanga (18).
Quarta-feira o sérvio Miroslav Maksimovic foi afastado do comando técnico do Petro de Luanda, tendo sido substituído pelo adjunto, Miller Gomes. No dia seguinte foi a vez do português Álvaro Magalhães conhecer a “força do chicote”, substituído no Nacional de Benguela pelo brasileiro Luís Mariano, o mesmo que já treinou o Libolo, Progresso e Benfica de Luanda.
Após 12 jornadas disputadas regista-se já cinco “chicotadas psicológicas”, nomeadamente Alain Claude (Sporting de Cabinda), António Caldas (Interclube), Álvaro Magalhães (Nacional de Benguela), Jorge Humberto Chaves (Benfica de Luanda) e Miroslav Maksimovic (Petro de Luanda).
Ainda da maior competição futebolística do país, o Santos FC e o Norberto de Castro apuraram-se neste domingo para os oitavos – de – final da Taça de Angola ao vencerem o Nacional de Benguela (3-1) e o Atlético do Namibe (5-4), respectivamente.
Os santistas obtiveram a qualificação no Estádio de São Filipe, em Benguela, ao passo que o conjunto de Viana, que milita no provincial de Luanda, obteve nos Coqueiros uma vitória sobre os namibenses, oitavos colocados do Girabola2012, através da
marcação de grandes penalidades, depois de 2-2 no tempo regulamentar.
Os desafios dos oitavos de final estão agendados para 25 de Julho. O sorteio realiza-se na próxima quinta-feira, na sede da Federação Angolana de Futebol.
Do desporto adaptado, o Kabuscorp de Cabinda sagrou-se sábado campeão nacional de basquetebol sénior masculino em cadeiras de rodas, ao derrotar na última jornada o centro de Reabilitação Física da Viana por 53-31 (20-15), em jogo disputado no pavilhão gimnodesportivo engenheiro José Eduardo dos Santos, em Ndalatando (Kwanza Norte).
É a primeira vez que o Clube Kabuscorp de Cabinda conquista a prova, destronando assim o ausente misto da mesma província, vencedor das duas últimas edições.
O angolano Leonel da Rocha Pinto foi quarta-feira reconduzido para mais quatro anos na direcção do Comité Paralímpico Africano (CPA), durante a assembleia-geral deste órgão do continente, realizada em Luanda. Vai liderar até 2016, altura dos jogos
paralímpicos do Rio de Janeiro (Brasil).
No encontro que decorreu na Sala de Conferências de Belas, na capital do país, os 43 delegados votaram por unanimidade em favor de Leonel Pinto, perante duas candidaturas desistentes, a última das quais a do presidente do Comité Nacional Paralímpico do Marrocos, Chahalane Ahamed Said Ali.
Depois da Asembleia-geral e da Reunião do Comité Executivo, realizou-se uma Conferência de Desenvolvimento, onde mais de uma centena de delegados de 43 países reflectiram sobre os problemas que afectam o desporto adaptado no continente e a
melhor forma de ultrapassá-los.
O encontro da família paralímpica contou com a participação do conselheiro especial do secretário-geral da ONU para o desenvolvimento do desporto e paz, Wilfried Lemke.
No acto de abertura, o ministro da Juventude e Desportos, Gonçalves Muandumba, reiterou o empenho do executivo angolano no apoio aos deficientes com criação de políticas de integração social.
O governante, que falava em representação do vice-presidente da República, Fernando da Piedade Dias dos Santos, destacou particularmente o papel do Chefe de Estado, José Eduardo dos Santos, na valorização dos direitos desta franja da sociedade.
Fonte: Angop

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.