InicioAngolaMoradores da Maianga defendem construção de posto de bombeiros na Zona

Moradores da Maianga defendem construção de posto de bombeiros na Zona

Luanda – Moradores do distrito urbano da Maianga, em Luanda, defenderam hoje, quinta-feira, nesta cidade, a necessidade de se construir postos de destacamento de bombeiros, nos bairros do Rocha Pinto e do Cassequel, para acudir eventuais casos de calamidade ou incêndio.
Contactados pela Angop, os residentes foram unânimes em dizer que a colocação de destacamentos do serviço nacional de protecção civil e bombeiros na localidade, seria uma mais-valia, pela complexidade da zona.
Alfredo Maiala, morador da rua da Incafé, é de opinião que o distrito precisa dos serviços deste sector, para acudirem rapidamente alguns casos que surgem na localidade, porque ficar dependente do comando principal pode ficar demoroso.
Disse ser necessário que se coloque postos destes, a exemplo de outros distritos, para estar mais próximo da comunidade.
Para a cidadã Azineide Salvador o governo deve contemplar os bairros do Rocha Pinto e do Cassequel, por serem áreas de difícil acesso, porque esperar a viatura que sai da central até chegar a estas áreas demora muito tempo.
Por seu turno, o morador do bairro do Cassequel, Daniel da Piedade disse que um posto faz muita falta a comunidade, pelo que a construção deste bem público irá constituir uma mais-valia para a zona, contribuindo deste modo para a prevenção de casos de incêndio e calamidades.
Fez saber ainda que o mesmo pode funcionar como alternativa do posto central, que fica localizado no largo dos ministérios, permitindo a aproximação destes serviços a comunidade e maior interacção entre os moradores e bombeiros, para a criação de um plano estratégico de actuação.
Fonte: Angop

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.