InicioEconomiaSonangol reafirma engajamento na reindustrialização do país

Sonangol reafirma engajamento na reindustrialização do país

Luanda – A Sonangol reafirmou hoje (segunda-feira) o engajamento da companhia no processo de reendustrialização do país definido pelo Executivo angolano, com objectivo, numa primeira fase, de se reduzir as importações, gerar emprego e contribuir para empresariado nacional forte e competitivo.

De acordo com a administradora da Sonangol, Ana Bela Fonseca, que falava na inauguração de cinco fábricas e uma unidade de tratamento de águas residuais, na Zona Económica Especial (ZEE) Luanda-Bengo, o acto marca uma etapa importante, compromisso assumido pela petrolífera.

Disse que o compromisso da Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol) visa a conclusão e o arranque das diferentes unidades industriais projectadas para a Zona Económica Especial Luanda-Bengo.

Referiu que o projecto ZEE é um marco histórico do processo de reconstrução e desenvolvimento de Angola. “Estamos a falar da reendustrialização do país, da redução das importações e da criação de postos de trabalho como forma de mitigar alguns problemas de índole social”, disse.

Afirmou que além das unidades inauguradas hoje, a Comissão Executiva da Sonangol Investimentos Industriais está a trabalhar para que no segundo semestre deste ano (2012), 12 outras novas fábricas entrem em funcionamento.

Destacou, entre as unidades industriais que poderão entrar em funcionamento este ano, as fábricas de ferragens, galvanoplastia, bombas de água, metalomecânica, embalagens metálicas, sacos de plásticos, galvanização, pavilhões metálicos, vidros para construção civil e cartonagem.

Com a inauguração das novas unidades industriais 14 fábricas da Sonangol Investimentos Industriais estão em funcionamento na ZEE Luanda-Bengo.

Fonte: Angop

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.