InicioMundo LusófonoMoçambiqueMoçambique e Cuba relançam cooperação

Moçambique e Cuba relançam cooperação

Moçambique e Cuba reafirmaram hoje em Maputo a necessidade de incrementar as suas relações de cooperação e amizade, identificando novas áreas de interesse para os dois países e povos.

Esta vontade foi vincada durante o encontro que o vice-presidente do Conselho de Estado da República de Cuba, Esteban Lazo Hernández, manteve com o Primeiro-Ministro moçambicano, Aires Ali, no primeiro dia de uma visita de quatro dias do dirigente cubano a Moçambique.

Falando minutos após o encontro, Hernández disse que a sua visita a Moçambique se circunscreve no âmbito das relações históricas entre os dois países, que sempre foram sendo cimentadas pelos respectivos dirigentes.

Neste contexto, Hernández citou o envolvimento directo do falecido estadista moçambicano, Samora Machel, e do antigo presidente cubano, Fidel Castro, na cooperação política, económica e social.

“Então, a nossa visita tem por objectivo passar em revista estas relações, mas também estudar, pensar e definir outras áreas em que devemos estabelecer a colaboração mútua”, disse o Vice-Presidente cubano, vincando que “é preciso multiplicar esta cooperação”

Hernández manifestou a sua satisfação em visitar Moçambique, pois vai permitir estreitar as tradicionais relações de solidariedade entre os dois países e povos.

Por sua vez, o Primeiro-Ministro moçambicano admitiu a possibilidade de o país continuar a enviar mais estudantes para Cuba, onde deverão se formar em diversas áreas a serem identificadas.

Aires ali recordou que, ao longo dos tempos, cerca de três mil jovens moçambicanos passaram por Cuba, onde se formaram em várias áreas de actividade.

Até então, a cooperação entre os dois países esteve focalizada nas áreas de educação, formação de professores, saúde e desporto.

Durante os quatro dias de visita ao país, Hernández manterá uma audiência com o Chefe do Estado moçambicano, Armando Guebuza, para além de outros encontros incluindo com a Presidente da Assembleia da República (AR), Verónica Macamo.

O programa inclui visitas ao Hospital Central de Maputo (HCM) e a uma instituição da Educação, bem como a deposição de flores no Monumento aos Heróis Moçambicanos, em Maputo.

Fonte: RM/AIM

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.