Inicio Economia Indústria cria postos de trabalho

Indústria cria postos de trabalho

0
Indústria cria postos de trabalho

O ministro da Geologia e Minas e Indústria, Joaquim David, procedeu ontem, em Luanda, à inauguração de seis novas fábricas e uma Estação de Tratamento de Águas Residuais da Sonangol Investimentos Industriais, na Zona Económica Especial (ZEE) Luanda/Bengo.
Foram inauguradas as fábricas Ninhoflex, que se dedica à produção de colchões de espuma, molas e almofadas, a Indutubos, para o fabrico de tubos de alta densidade, e a Telhafal, de processamento de telhas metálicas. O ministro da Geologia e Minas e Indústria inaugurou também a Transplás, indústria de acessórios de PVC e Polietileno, a MTBT, de materiais eléctricos de média e baixa tensão, e a Inducabos, para o fabrico de cabos eléctricos de cobre e alumínio.
O director-geral de negócios da Sonangol Investimentos Industriais, Gaspar Neto, informou que a entrada em funcionamento das seis fábricas na ZEE resulta de um investimento avaliado em 78 milhões de dólares, que gerou cerca de 409 postos de trabalho. As seis fábricas somam um total de 14 unidades industriais em funcionamento na ZEE, que corresponde a um investimento na ordem dos 128 milhões de dólares, criando 3.600 empregos, de acordo com responsáveis da Comissão Executiva da Sonangol Investimentos Industriais.
Joaquim David, que efectuou ontem a abertura oficial das seis fábricas, afirmou, antes da cerimónia, que o sector regista um crescimento substantivo, face aos investimentos realizados pelo Estado e por empreendedores privados. O objectivo fundamental do Executivo, disse o ministro, consiste na criação de condições básicas para o crescimento da economia e um enquadramento estratégico do sector privado no processo de reconstrução e desenvolvimento económico.
Acrescentou, ainda, como um dos objectivos do Executivo, a cooperação alargada entre o Estado e sector privado, para a definição dos moldes de desenvolvimento das áreas prioritárias. “A estratégia de industrialização está direccionada à recuperação da suficiência alimentar, erradicação da fome, redução da pobreza e promoção da estabilidade social”, salientou o ministro.
Joaquim David afirmou que as medidas do Executivo para a industrialização resultam da aposta em satisfazer as necessidades básicas da população, da criação de empregos e melhoria da distribuição do rendimento, bem como o aumento do poder de compra e geração de poupança.

Fonte: JA

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.