InicioAngolaVia para autocarros e táxis aberta ontem em Luanda

Via para autocarros e táxis aberta ontem em Luanda

Uma via de serviço paralela à Avenida 21 de Janeiro, em Luanda, foi ontem aberta para a circulação dos transportes colectivos de passageiros, incluindo os de serviço de táxi informal.
A via está no lado oposto ao campo do Interclube e estende-se até à unidade da Força Aérea Nacional, no sentido Rocha Pinto-Aeroporto 4 de Fevereiro.
O director provincial de Trânsito, Tráfego e Mobilidade da província de Luanda, Jorge Bengue, referiu que a medida vai permitir maior fluidez e ordenamento do trânsito automóvel, sem a travessia de peões ao mesmo nível. Para que a população chegue à via paralela, vão ser construídas cinco pontes pedonais, sendo que duas já estão concluídas e em uso.
“Neste momento, há toda a necessidade de retirarmos os transportes colectivos de passageiros – autocarros e táxis – da via principal para a via de serviço”, declarou Jorge Bengue.
Nos próximos dias, vão ser colocados sinais de trânsito e placas de paragem de autocarros, para facilitar a circulação dos operadores de transporte público e taxistas informais na via de serviço.
A direcção provincial de Trânsito, Tráfego e Mobilidade do governo provincial de Luanda está a trabalhar em parceria com a Polícia Nacional, Serviços de Fiscalização, ELISAL e o empreiteiro da obra, a construtora brasileira Odebrecht, para eliminar alguns pontos de estrangulamento de trânsito causados pela venda ambulante e o abandono de sucatas ao longo do itinerário.
Com a entrada em funcionamento da via de serviço, pretende-se dar um tratamento diferente e privilegiado à circulação de táxis e autocarros. “Este tratamento vai na senda da promoção da utilização dos transportes públicos, que passa pela redução do tempo que os autocarros têm de fazer desde o seu ponto de origem e o seu destino”, acentuou Jorge Bengue.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.