InicioDesportoBasquetebolTécnico Alberto Babo rende-se a Olímpio Cipriano

Técnico Alberto Babo rende-se a Olímpio Cipriano

O ex-técnico da equipa sénior masculina de basquetebol do Petro de Luanda Alberto Babo apontou o extremo angolano Olímpio Cipriano como o jogador que mais admirou ao longo da sua permanência em Angola (três anos), pela tranquilidade que transmite aos colegas e adeptos, além do poder criativo.

Para o português, campeão nacional pelos “tricolores”, o basquetebolista de 29 anos de idade é um fora de série, muito habilidoso, criativo e com grande capacidade de decidir jogos.

No entanto, destaca também a sua deficiência em termos defensivos como lacuna.

“Angola tem grandes jogadores, mas o Cipriano é indiscutivelmente a principal referência. Com a técnica que tem é capaz de não ser egoísta e passar a bola, fazendo jogar os seus companheiros. Se fosse bem acompanhado poderia estar mais distante, quem sabe fora de Angola a jogar ao mais alto nível”, realçou em entrevista à Angop.

Campeão africano pela selecção nacional, Cipriano falhou o Afrobasket2011, que teve lugar no Madagáscar, por opção técnica. Representa o Recreativo do Libolo e foi várias vezes eleito Jogador Mais Valioso (MVP) de Angola.

Alberto Babo falou também de Roberto Fortes, extremo do Petro de Luanda, quem considerou um jogador muito habilidoso, mas falta-lhe equilíbrio mental. “É um basquetebolista que joga com amor, mas tem que saber o que realmente quer, precisa equilibrar este aspecto. Quando está calmo é muito talentoso”, sublinhou.

Elogiou também Carlos e Braúlio Morais, Divaldo Mbunga, Paulo Santana (todos do Petro) e Armando Costa (1º de Agosto), realçando a forma “agressiva” deste último “atacar” o cesto.

“Fui busca-lo nos juniores da Amadora, para jogar no Queluz (Portugal), e com 17 anos já se notava o seu potencial”, acrescentou.

FONTE: Angop

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.