InicioAngolaDireito Penal Militar debatido em Luanda

Direito Penal Militar debatido em Luanda

A VI reunião da Associação Internacional das Justiças Militares e o III Seminário Internacional sobre Direito Penal Militar decorrem de 9 a 11 de Maio, em Luanda. Promovido pelo Supremo Tribunal Militar (STM) das Forças Armadas Angolanas (FAA), participam no encontro cerca de 150 delegados, dos quais 60 estrangeiros, de 17 países de vários continentes. O juiz Conselheiro do Supremo Tribunal Militar, general Gabriel João Soky, disse ontem aos jornalistas que o Direito Penal Militar é uma “fonte indispensável” na formação específica dos operadores de justiça militar.
O também coordenador da comissão organizadora do evento, referiu que a justiça militar deve contribuir para a elevação do sentido moral e patriótico das Forças Armadas, que devem obediência às leis e regulamentos que regem os respectivos países.
A reunião de Luanda, que decorre sob o lema “Direito Penal Militar, saber que reclama divulgação”, vai determinar a data e o local do próximo encontro da Associação, constituída em Dezembro de 2003, em Florianópolis (Brasil), com o objectivo de desenvolver estudos sobre o Direito Penal Militar, Processual, Judiciário, e Humanitário nos países associados.
Os “Desafios contemporâneos do direito internacional humanitário”, “A estrutura do crime militar culposo em face dos paradigmas da teoria da imputação objectiva”, “Organização e competência dos tribunais militares da República Federativa da Rússia”, e “Ordenamento jurídico militar: princípios, valores e institutos fundamentais”, são alguns temas agendados para o encontro internacional que a capital do país acolhe.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.