Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Elefantes destroem culturas agrícolas no município dos Dembos

Caxito – As autoridades tradicionais da aldeia do Gombe, comuna do Piri, município dos Dembos, província do Bengo, mostraram-se no sábado preocupadas com a devastação de culturas agrícolas por elefantes.

Em entrevista à Angop, o soba grande, José Capemba, disse ter solicitado apoio ao Instituto de Desenvolvimento Florestal (IDF) para ajudar na detenção dos animais.

Sublinhou que, se não forem tomadas medidas, os elefantes poderão atingir as residências dos moradores da localidade, sendo a maior parte construída de pau a pique.

Explicou que se não houver uma intervenção por parte da administração municipal e comunal, a região corre o risco de enfrentar escassez alimentar, uma vez que a população se dedica, maioritariamente, à agricultura.

Segundo José Capemba, a população da aldeia do Gombe faz permuta de produtos com os cidadãos dos municípios mais próximos, no sentido de obter alguns bens como produtos alimentares e de higiene.

Frisou que a situação está a desmotivar os pequenos agricultores a trabalhar, já que vêem gorados os seus esforços para produzir alimentos para a sua subsistência e para a venda.

As culturas mais destruídas são de bananal, mandioca, inhame, batata-doce e ginguba, sublinhando que as outras culturas do campo estão ameaçadas porque os animais continuam à solta.

Apelou as entidades competentes a criarem condições de asseguramento da área para proteger os campos cultivados, de forma a afastar os animais.

O município dos Dembos, que dista a cerca de 140 quilómetros a Norte da cidade de Caxito, província do Bengo, tem uma superfície de mil 170 quilómetros quadrados, possui quatro comunas – Kibaxe, Coxe, Paredes e Piri. A sua população estima-se em 18 mil 153 habitantes que, maioritariamente, se dedica à agricultura e à caça.

Fonte: Angop

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »