Portal de Angola
Informação ao minuto

Basquetebol: Interclube supera 1º de Agosto na finalíssima conquista Nacional

O Interclube conquistou quinta-feira à noite no pavilhão principal da Cidadela, o título de campeã nacional sénior feminina de basquetebol após vencer na finalíssima o 1º de Agosto por 55-45.

A referida partida realizou-se após a polémica das cenas de “pancadaria” que envolveram as jogadoras de ambas as formações, situação pouco abonatória para a modalidade que aconteceu no dia 08 de Março.

As duas formações entraram bastante nervosas para o desafio que teve como palco o pavilhão da Cidadela, onde os amantes e curiosos do basquetebol marcaram presença em grande número.

O equilíbrio foi bastante visível mais coube o triunfo para o 1º de Agosto de 15-13.

No segundo período logo no primeiro ataque a norte-americana Danielle Green colocou o Inter pela primeira vez a vencer o desafio. Nesta fase a outra grande unidade das “polícias” era a sua capitã Catarina Camufal sempre presente nos roubos de bola.

Mas a formação contrária nunca se deu por vencida, uma vez que o seu treinador Aníbal Moreira fazia constantes alterações na equipa a fim de inverter o quadro.

O inter saiu a vencer ao intervalo por apenas um ponto, 26-27, o que fazia crer que o período seguinte seria ainda mais renhido.

No terceiro período do desafio, o jogo parou por nove minutos devido a um corte de energia numa altura em que o Inter vencia por 29-26, o que de certa forma retirou algum ritmo nas duas equipas.

Logo após o recomeço, o Inter começou a construir a sua caminhada onde mais uma vez Danielle Green comandou as jogadas indo buscar as faltas necessárias sempre que a sua equipa estivesse a jogar para o ataque, dilatando ainda mais o score.

Nacissela Maurício e Ângela Cardoso ainda tentaram levar para frente a equipa do rio seco mais as suas oponentes estavam bem decididas.

Fruto da perspicácia das “polícias” no sector defensivo, durante seis minutos o 1º de Agosto não marcou qualquer ponto e mais uma vez o Inter saiu a vencer 32-47 a maior diferença pontual do desafio.

No quarto e último período a turma comandada por Apolinário Paquete geriu apenas os pontos trazidos e com menor pressão e um jogo exterior bastante eficaz, o que não acontecia no 1º de Agosto onde os nervos mais uma vez estiveram bem visíveis e não foi possível conquistar o tão almejado título.

O Interclube chama a si pela terceira vez consecutiva a taça de campeã nacional que lhe garante um lugar na Taça dos Clubes Campeões onde também vai lutar pelo título.

Assistiram o encontro, Gonçalves Muandumba, ministro da Juventude e Desportos, assim como outros responsáveis da comissão de Gestão do Interclube e da direcção do 1º de Agosto.

Fonte: Angop

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »