- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Ciências e Tecnologia Sony Ericsson já não existe, mas família Xperia é reforçada pela Sony

Sony Ericsson já não existe, mas família Xperia é reforçada pela Sony

A parceria entre a Sony e a Ericsson na área dos dispositivos móveis já terminou, por isso muitos aguardavam com expectativa a apresentação da Sony em Barcelona. O resultado: novos smartphones da família Xperia, a primeira fornada depois da separação da Sony Ericsson

No total são três os smartphones apresentados pela Sony no Mobile World Congress, os primeiros lançados pela fabricante nipónica em nome próprio, e todos com a marca Xperia, a mesma dos últimos modelos lançados pela Sony Ericsson.

O principal dos três é o Xperia S, um modelo topo de gama cujas principais características são um ecrã de alta definição de quatro polegadas, câmara fotográfica com 12 megapixels e compatibilidade com videojogos da PlayStation.

Os outros dois smartphones destinam-se a segmentos mais baixos.

O primeiro é o Xperia P, que também tem um ecrã de quatro polegadas, corpo de alumínio, uma câmara de oito megapixels e é compatível com a tecnologia NFC (Near Field Communications), que, segundo a fabricante, pode ser utilizada no futuro na área da domótica, permitindo ao utilizador controlar objectos de uma casa, como apagar a luz ou as persianas da janela.

O último trunfo da primeira vaga de smartphones da Sony é o Xperia U, que tem como principais destaques um ecrã de 3,5 polegadas, processador com dois núcleos e uma câmara de oito megapixels que permite gravar conteúdos em alta definição.

A Sony ainda não divulgou os preços dos dispositivos, adiantando apenas que estes vão começar a ser comercializados na Europa antes de Junho.

Fonte: Sol

- Publicidade -
- Publicidade -

[Análise] Como estão os líderes empresariais africanos a lidar com a crise do coronavírus?

Pessimismo no futuro imediato, mas confiança no futuro do continente a longo prazo: esta é a conclusão da segunda edição do barómetro sobre o...
- Publicidade -

China garante que OMS deu aval ao uso de vacinas que ainda estão em estudo

As autoridades chinesas dizem que a Organização Mundial da Saúde deu apoio e aceitou a administração de vacinas experimentais que estão a ser desenvolvidas...

Covid-19: Grupo de 34 reclusos infetados foge de prisão no Brasil

Um grupo de 34 presos, infetados com covid-19, fugiu esta terça-feira através de um túnel de uma prisão no Brasil, com graves problemas de...

Zimbabwe aceita devolver terras a fazendeiros brancos

O Governo zimbabweano está a elaborar um plano para possibilitar a devolução, a milhares de fazendeiros brancos, das terras que lhes foram violentamente retiradas...

Notícias relacionadas

[Análise] Como estão os líderes empresariais africanos a lidar com a crise do coronavírus?

Pessimismo no futuro imediato, mas confiança no futuro do continente a longo prazo: esta é a conclusão da segunda edição do barómetro sobre o...

China garante que OMS deu aval ao uso de vacinas que ainda estão em estudo

As autoridades chinesas dizem que a Organização Mundial da Saúde deu apoio e aceitou a administração de vacinas experimentais que estão a ser desenvolvidas...

Covid-19: Grupo de 34 reclusos infetados foge de prisão no Brasil

Um grupo de 34 presos, infetados com covid-19, fugiu esta terça-feira através de um túnel de uma prisão no Brasil, com graves problemas de...

Zimbabwe aceita devolver terras a fazendeiros brancos

O Governo zimbabweano está a elaborar um plano para possibilitar a devolução, a milhares de fazendeiros brancos, das terras que lhes foram violentamente retiradas...

Inacom e parceiros criam plataforma de diálogo

O Instituto Angolano das Comunicações (INACOM), as operadoras e as associações dos consumidores, decidiram, a partir desta quinta-feira, em Luanda, a criação de uma...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.