- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Irão triplicou atividade nuclear com fins militares, diz AIEA

Irão triplicou atividade nuclear com fins militares, diz AIEA

A Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) confirmou nesta sexta-feira que o Irão aumentou a sua produção de urânio enriquecido para fins militares. Essa foi uma das constatações da visita realizada essa semana pelos peritos da instituição, que se dizem muito preocupados com a evolução do programa nuclear iraniano.

“A agência está muito preocupada quanto à dimensão militar do programa nuclear iraniano”, explica a AIEA em um relatório realizado após a segunda inspeção realizada no Irão em menos de um mês. A instituição constatou que Teerão triplicou a produção de urânio enriquecido a 20% e que o país já estocou cerca de 105 kg do material desde novembro.

Segundo a AIEA, ainda há divergências importantes sobre o programa nuclear iraniano, apesar de discussões intensas com as autoridades do país para tentar entender suas atividades atômicas. Durante a visita desta semana, os peritos não puderam encontrar os principais responsáveis iranianos e não conseguiram visitar todas as instalações, como o sítio militar de Parchin, na periferia de Teerão.

A comunidade internacional continua acusando a república islâmica de utilizar sua energia atômica com fins militares para construir uma bomba atômica. Diante do relatório da AIEA, os responsáveis iranianos disseram que desejam continuar o diálogo com a agência. “O Irão, que é um país responsável, vai continuar sua cooperação com a AIEA”, declarou Ali Asghar Soltanieh, representante iraniano junto à agência.
Fonte: RFI

- Publicidade -
- Publicidade -

Portos devem servir para transbordo de mercadorias em África

O ministro dos Transportes, Ricardo D'Abreu, declarou esta quarta-feira ser pretensão do governo fazer dos portos angolanos verdadeiras plataformas logísticas regionais, para o transbordo...
- Publicidade -

ONU acusa Venezuela de “possíveis crimes contra a humanidade”

Investigadores das Nações Unidas acusam o Presidente da Venezuela e outras figuras do Estado de terem cometido "possíveis crimes contra a humanidade". As acusações...

Moçambique: Dois ataques contra autocarros em Sofala atribuídos à Junta Militar da Renamo

Homens armados protagonizaram na manhã desta quinta-feira, 17 de Setembro, dois novos ataques na estrada nacional N°6, na província de Sofala, provocando sete feridos...

Última Hora: Túnel da Avenida João XXI em Lisboa cortado devido a incêndio

O Túnel da Avenida João XXI, em Lisboa, está hoje de manhã cortado ao trânsito nos dois sentidos devido a um incêndio num posto...

Notícias relacionadas

Portos devem servir para transbordo de mercadorias em África

O ministro dos Transportes, Ricardo D'Abreu, declarou esta quarta-feira ser pretensão do governo fazer dos portos angolanos verdadeiras plataformas logísticas regionais, para o transbordo...

ONU acusa Venezuela de “possíveis crimes contra a humanidade”

Investigadores das Nações Unidas acusam o Presidente da Venezuela e outras figuras do Estado de terem cometido "possíveis crimes contra a humanidade". As acusações...

Moçambique: Dois ataques contra autocarros em Sofala atribuídos à Junta Militar da Renamo

Homens armados protagonizaram na manhã desta quinta-feira, 17 de Setembro, dois novos ataques na estrada nacional N°6, na província de Sofala, provocando sete feridos...

Última Hora: Túnel da Avenida João XXI em Lisboa cortado devido a incêndio

O Túnel da Avenida João XXI, em Lisboa, está hoje de manhã cortado ao trânsito nos dois sentidos devido a um incêndio num posto...

Viaduto do Cazenga é inaugurado hoje

O viaduto Luanda/Cazenga, localizado entre os distritos urbanos do Rangel e do Tala-Hady, na capital do país, será inaugurado hoje, sexta-feira, 18 de Setembro,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.