InicioAngolaSociedadeRestos mortais de Mateus Pele do Zangado já repousam no cemitério do...

Restos mortais de Mateus Pele do Zangado já repousam no cemitério do Alto das Cruzes

Os restos mortais do bailarino Mateus Pele do Zangado, falecido terça-feira, vítima de doença, nesta cidade, foram enterrados no princípio da manhã de hoje, em Luanda, no cemitério do Alto das Cruzes.

A cerimónia foi acompanha por diversas individualidades, entre os quais o governador de Luanda, Bento Bento, membros do Ministério da Cultura, artistas, familiares e amigos.

Segundo Roldão Ferreira, durante a leitura do elogio fúnebre, o conhecimento e a dimensão de Mateus pele do Zangado leva a recordar o seu grande contributo no desporto e na cultura, começando pelo Luar das Rosa, no Sambizanga, onde se despontava como um grande bailarino no desporto, em companhia de Joaquim Dinis, Lourenço Bento, Firmino Dias, entre outros.

Considerado “o melhor bailarino de semba em Angola”, Mateus Pelé do Zangado morreu aos 78 anos.

Em 2009, foi homenageado num filme de Alberto Botelho, intitulado “Os Emplastros”, pelo contributo que deu à música e à cultura angolana.

Mateus Jorge António, que veio a ser carinhosamente conhecido por “Mateus Pele do Zangado”, nasceu ao 25 de Março de 1933, era filho de Jorge Mateus e de Juliana António, deixando assim 11 filhos, 35 netos e 21 bisnetos.

Fonte: Angop

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.