InicioEconomiaCatoca cria parceria para exploração do projecto Tchiuso

Catoca cria parceria para exploração do projecto Tchiuso

A Sociedade Mineira de Catoca (SMC), maior empresa de produção de diamantes em Angola, prevê a partir de 2014 explorar um novo projecto denominado Tchiuso, numa parceria com o instituto russo YakutniProalmaz, soube hoje a Angop.

De acordo com um documento a que a Angop teve hoje acesso, a Sociedade de Catoca e o Instituto russo YakutniProalmaz rubricaram recentemente um contrato de prestação de serviços que visa a elaboração de projectos técnicos com vista ao arranque do projecto Tchiuso.

O informe aponta como data para o início das actividades para o arranque da exploração do referido projecto o ano 2014, com o início da mobilização de recursos.

Segundo a fonte, a iniciativa enquadra-se no âmbito da visão do programa macro da empresa que prevê o aumento de reservas e expansão do negócio até 2020.

O projecto Tchiuso, que dista a 25 quilómetros a norte de Catoca, deverá ser explorado a céu aberto, até uma profundidade de 250 metros. Porém, estudos efectuados até ao momento apontam para a existência de recursos diamantíferos até aos 400 metros de profundidade.

A SMC tem como accionistas as empresas Endiama (Angola), a brasileira Odebrecht, a israelita Daumonty Finance e a Alrosa da Federação Russa.

Fonte: Angop

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.