- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia Empresas vietnamitas na economia angolana

Empresas vietnamitas na economia angolana

O Vice-Presidente da República afirmou ontem, na cidade de Ho Chi Min, Vietname, que a visita que faz àquele país constitui um marco importante nas relações de amizade e de cooperação entre os dois Estados.

Fernando da Piedade Dias dos Santos, que discursava no jantar oficial que lhe foi oferecido, pelo presidente da União Popular da cidade de Ho Chi Minh, Le Hoang Quan, numa das unidades hoteleiras da capital económica do Vietname, lembrou serem “antigas e históricas” as relações de cooperação e amizade entre Angola e a República Socialista do Vietname e que os dois países tiveram trajectórias semelhantes, primeiro na luta contra os regimes coloniais, depois para consolidarem a unidade nacional e hoje pela estabilidade e desenvolvimento.

O Vice-Presidente disse estar convencido que com a visita que faz ao Vietname vão ser dados grandes passos para a diversificação da cooperação com êxitos e benefícios recíprocos.

“Auguro que as relações entre os dois Estados se diversifiquem e fortifiquem sempre, sublinhou.
O presidente da União Popular de Ho Chi Minh, Le Hoang Quan falou da necessidade de Luanda e da sua cidade estarem ligadas por via aérea e cooperarem em domínios que procurem melhorar, cada vez mais, a qualidade de vida dos habitantes.

Le Hoang Quan solicitou ao Vice-Presidente que nos encontros com as autoridades de Hanói voltem a abordar a questão das ligações aéreas permanentes entre os dos países, para facilitar a cooperação bilateral. Fernando da Piedade Dias dos Santos e Le Hoang Quan tiveram, antes do jantar, um encontro, em que participaram elementos da delegação angolana e autoridades da cidade de Ho Chi Minh.

Empresáriosa

O Vice-Presidente da Republica, Fernando da Piedade Dias dos Santos, admitiu ontem, na província vietnamita de Binh Phuoc, a possibilidade de empresários dos dois países cooperarem em vários domínios, na base da reciprocidade de vantagens.

“Angola e a República Socialista do Vietname sempre estiveram juntos na luta pela independência, por isso devem também continuar unidos na batalha pelo desenvolvimento”, afirmou o Vice-Presidente da República, durante a visita que efectuou ontem a Companhia Hamyco, de processamento da castanha do caju. Depois de assistir a um vídeo e percorrer diferentes sectores da empresa, Fernando da Piedade Dias dos Santos disse que o empreendimento económico constitui um “bom exemplo” para Angola, que procura a todo o custo combater o desemprego e a pobreza.

“Estamos aqui para ver in loco a vossa experiência e juntos encontrarmos formas para aumentar a cooperação bilateral nos mais variados domínios”afirmou o Vice-Presidente da República, que elogiou a celeridade com que o Vietname caminha para a instauracao de uma economia de mercado.
No encontro com os responsáveis da companhia de processamento de caju, o Vice-Presidente disse que Angola e o Vietname têm muitas realidades em comum, sublinhando que durante muito tempo a história de luta do povo vietnamita serviu de inspiracao a luta dos angolanos pela liberdade. A industria Hamyco produz cerca de 40 toneladas de caju por dia, factura entre 5 a 6 milhões de dólares anuais, e importa parte do produto para transformacão, o caju, de alguns países africanos, como Ghana, Costa do Marfim e Níger. O Vice-Presidente da República visitou, ugualmente, as unidades de processamento de madeira e borracha, e teve um encontro com os responsáveis do Instituto Nacional da Borracha, na cidade de Ho Chi Minh.

A fábrica de processamento de madeira, com capacidade de produzir 11 mil metros quadrados deste produto, está implantada numa área de 42 mil metros, possui mais de 700 trabalhadores, e exporta 95 por cento da sua produção para diferentes regiões do globo, sobretudo mobiliários para escritório e residência. Já a fábrica de processamento da borracha, uma das maiores do país, com sete mil trabalhadores, existe há 30 anos e tem rendimentos na ordem de milhões de dólares, parte dos quais são alimentados pelo orçamento do Estado.

Após visitar as duas unidades de produção, Fernando da Piedade Dias dos Santos garantiu que Angola quer diversificar a cooperação nos mais variados domínios. “Viemos colher a vossa experiência e encontrar diferentes áreas de cooperação’’, disse.

O Vice-Presidente da República teve ainda ontem, no final da tarde, um encontro com o presidente da União Popular da cidade de Ho Chi Minh, Le Hoang, que ofereceu um jantar de boas vindas.

Visita à Hanoi

O Vice-Presidente da Republica desloca-se hoje, à capital da Socialista do Vietname, Hanói, onde amanha, quarta-feira, é recebido em audiência, pelo Presidente da República, Truong Tan Sang, no Palácio Presidencial.

Durante três dias em Hanói, Fernando da Piedade Dias dos Santos vai ter um encontro com o Primeiro-Ministro vietnamita, Nguyen Tan Dung, procede à deposição de uma coroa de flores no monumento dos Mártires da Guerra, visita empreendimentos socio-económicos, e inaugura a primeira representação diplomática angolana no Vietname. Na capital vietnamita, o Vice-Presidente da República participa ainda no Fórum empresarial Angola/Vietname, no qual vão participar para além de membros do Executivo, empresários dos dois paises, os governadores das províncias angolanas da Lunda Norte, Lunda Sul, e os vice-governadores do Moxico e Bengo.

Fonte: JA

- Publicidade -
- Publicidade -

TC confirma auditoria à gestão do BPC

O Tribunal de Contas (TC) admitiu, este sábado, a realização de auditoria à gestão do Banco de Poupança e Crédito (BPC), mas negou que...
- Publicidade -

MPLA “afina” máquina para próximos desafios eleitorais

O MPLA está a apostar na melhoria da sua máquina organizativa e no aperfeiçoamento da capacidade de mobilização, para enfrentar e vencer os desafios...

Caso 900 milhões: Irene Neto com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...

Cidadão mata amigo após desentendimento

Uma briga entre amigos resultou na morte, com bloco de construção civil, de um adolescente de 17 anos de idade, praticado por outro já...

Notícias relacionadas

TC confirma auditoria à gestão do BPC

O Tribunal de Contas (TC) admitiu, este sábado, a realização de auditoria à gestão do Banco de Poupança e Crédito (BPC), mas negou que...

MPLA “afina” máquina para próximos desafios eleitorais

O MPLA está a apostar na melhoria da sua máquina organizativa e no aperfeiçoamento da capacidade de mobilização, para enfrentar e vencer os desafios...

Caso 900 milhões: Irene Neto com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...

Cidadão mata amigo após desentendimento

Uma briga entre amigos resultou na morte, com bloco de construção civil, de um adolescente de 17 anos de idade, praticado por outro já...

Por causa de fumaça de queimadas, avião de Bolsonaro arremete em Mato Grosso

O presidente Jair Bolsonaro disse que o avião em que estava precisou arremeter ao tentar pousar em Sinop, no Mato Grosso, devido à falta...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.