InicioMundoSob tensão com Argentina, britânicos reafirmam soberania sobre Malvinas

Sob tensão com Argentina, britânicos reafirmam soberania sobre Malvinas

O Reino Unido reagiu mais uma vez hoje ao anúncio da presidente argentina, Cristina Kirchner, de que vai apresentar nova queixa no Conselho de Segurança e da Assembleia Geral da ONU, para denunciar o que considera um processo de “militarização” nas Ilhas Malvinas. O Ministério das Relações Exteriores britânico pediu que o Conselho de Segurança não aceite o texto.

“O Reino Unido não tem qualquer dúvida sobre a soberania nas ilhas Malvinas”, afirmou um porta-voz do ministério.“Os habitantes das Malvinas são britânicos por escolha. Eles são livres para escolher seus próprios destinos e não haverá negociação com a Argentina sobre a sua soberania, a menos que a população das ilhas deseje”, havia declarado ontem.

O anúncio de Kirchner é uma reação à presença do príncipe William no arquipélago e diante da chegada de um novo navio de guerra britânico ao país. “Essa militarização representa um grave perigo para a segurança nacional”, afirmou ela.

Oficialmente o príncipe William, de 29 anos e segundo na sucessão do trono britânico, iniciou na quinta-feira passada uma missão de seis semanas no arquipélago como piloto em uma equipe de vigilância e salvamento da Força Aérea Britânica. Para o governo argentino, a presença dele é uma provocação.

A Argentina conta com o apoio de países vizinhos – Brasil, Uruguai e Chile – para bloquear a entrada, em seus portos, de navios com a bandeira malvina, uma medida criticada por Londres.

Fonte: RFI

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.