- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia OGE 2012 sem petróleo seria deficitário

OGE 2012 sem petróleo seria deficitário

Uma pesquisa sobre o Orçamento Geral de Estado angolano previsto para 2012 indica que sem contar com o petróleo as receitas ficariam avaliadas em um bilião e 200 milhões de kwanzas e as despesas em três biliões e 42 milhões de kwanzas.

Segundo o estudo a que a Angop teve acesso, apresentado a um deste mês (Fevereiro) pelo economista angolano Carlos Rosado de Carvalho numa conferência sobre “O OGE e economia”, sem as receitas do petróleo o OGE registaria um défice superior a dois biliões de kwanzas.

“Sem o petróleo as contas públicas são muito deficitárias, apesar da evolução favorável, o défice contínua acima do razoável”, refere a comunicação de Carlos Rosado, salientando que em 2009 o FMI calculava que défice primário não petrolífero não devia ultrapassar 30 porcento do PIB não petrolífero”.

Relativamente às fontes de receitas do OGE 2012, o documento indica que dos quatro triliões, 501 biliões, 106 milhões, 290 mil e 500 kwanzas, 68,1 porcento provém dos impostos petrolíferos, 26,7% impostos não petrolíferos1,9% contribuições sociais e 3.3% outras receitas.

Realça também que o petróleo continua a ser o produto de negócios que gera excepcionalmente altas margens de lucro para o Estado angolano (Cash cow do Estado).

Os rendimentos das concessões do petróleo dão quase um bilião e 800 milhões de kwanzas representando 47,6 porcento das receitas do sector.

Quanto ao destino dado às receitas do OGE, o documento refere que 74,6 porcento são para despesas correntes (pagamento de salários, aquisição de bens gastáveis e outros) e 25,4 para despesas de investimento, isto é construção de estradas, pontes, energias, saneamento e águas.

De acordo ainda com o mesmo documento, cada quatro kwanzas de despesas, três vão para investimento (valores em % do total), e 30 porcento do orçamento servirá para pagar funcionários públicos, a maior fatia das despesas.

Fonte: Angop

- Publicidade -
- Publicidade -

FinCEN Files. Como os grandes bancos facilitaram milhares de milhões de dólares em transferências para criminosos

Mais de dois mil relatórios bancários confidenciais obtidos pelo BuzzFeed News e partilhados com o Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação (ICIJ), do qual...
- Publicidade -

Football Leaks. O ataque informático ao MP terá sido feito com as credenciais de um antigo diretor do DCIAP. A PGR “não fazia ideia”

"Ninguém na PGR fazia ideia do que se tinha passado", declarou o inspector José Amador, da Polícia Judiciária, sobre o ataque informático que o...

Transportes: Ministério procura alterar a Lei da Marinha Mercante

O Ministério dos Transportes está, actualmente, a proceder à alteração da Lei da Marinha Mercante e Portos, além de outras iniciativas, como a necessidade...

Indústria das telecomunicações perde anualmente 29 biliões de euros em fraudes

A indústria telefónica perde anualmente mais de 29 biliões de euros resultantes das fraudes no sector, afirma Rui Horta, gestor sénior de Fraude e...

Notícias relacionadas

FinCEN Files. Como os grandes bancos facilitaram milhares de milhões de dólares em transferências para criminosos

Mais de dois mil relatórios bancários confidenciais obtidos pelo BuzzFeed News e partilhados com o Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação (ICIJ), do qual...

Football Leaks. O ataque informático ao MP terá sido feito com as credenciais de um antigo diretor do DCIAP. A PGR “não fazia ideia”

"Ninguém na PGR fazia ideia do que se tinha passado", declarou o inspector José Amador, da Polícia Judiciária, sobre o ataque informático que o...

Transportes: Ministério procura alterar a Lei da Marinha Mercante

O Ministério dos Transportes está, actualmente, a proceder à alteração da Lei da Marinha Mercante e Portos, além de outras iniciativas, como a necessidade...

Indústria das telecomunicações perde anualmente 29 biliões de euros em fraudes

A indústria telefónica perde anualmente mais de 29 biliões de euros resultantes das fraudes no sector, afirma Rui Horta, gestor sénior de Fraude e...

Café promove melhorias em doentes com cancro do cólon

Um estudo revela que o consumo diário de café está relacionado com melhorias na doença do cancro do cólon – diminuição do risco do...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.