- Publicidade-
InicioMundoGreve deve perturbar espaço aéreo francês na semana que vem

Greve deve perturbar espaço aéreo francês na semana que vem

Os sindicatos de comissários de bordo e pilotos franceses anunciaram uma greve de três dias a partir de segunda-feira. A mobilização deve perturbar a vida dos viajantes no início da semana. A companhia aérea Air France já confirmou que pelo menos 15% de seus voos não vão decolar.

Os sindicatos se mobilizam contra uma série de reformas que tornam mais difíceis as condições de negociação dos funcionários em caso de conflitos internos. Uma das medidas mais criticadas do texto é a exigência de que os empregados avisem os empregadores de sua intenção de greve com 48 horas de antecedência, uma exigência vista como inaceitável pelos sindicatos. “O governo decidiu forçar a situação e a única solução que nos resta é entrar em um conflito” declarou Ybes Deshayes, da SNPL, a principal representação sindical dos pilotos. O Senado francês deve estudar o polêmico texto em 15 de fevereiro.

A companhia aérea Air France prevê perturbações em pelo menos 20% de seus voos curtos e cerca de 15% nos trajetos mais longos, inclusive para outros continentes. Os números exatos só serão conhecidos na segunda-feira feira, já que muitos funcionários podem aderir ao movimento no último momento. A empresa EasyJet, que efetua voos de baixo custo, afirma que nenhuma perturbação maior é prevista, apesar da mobilização.

A greve deve começar na segunda feira e durar pelo menos três dias. Várias manifestações são previstas em Roissy e Orly, os dois principais aeroportos do país, na capital francesa.
Fonte: RFI

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.