InicioMundoOnda de frio na Europa já matou pelo menos 60 pessoas

Onda de frio na Europa já matou pelo menos 60 pessoas

A onda de frio polar já matou pelo menos 60 pessoas nos últimos dias em países do norte e na região leste da Europa. O país mais castigado pelo frio é a Ucrânia, com 43 vítimas fatais em seis dias, 13 apenas nas últimas 24 horas. Segundo as autoridades ucranianas, a maioria das vítimas foi descoberta nas ruas.

Com temperaturas negativas extremas, atingindo até 30 graus negativos, os hospitais ucranianos receberam mais de 700 pacientes com hipotermia e pelo menos 31 mil ucranianos pediram ajuda nos postos de saúde improvisados de urgência pelo governo em todo o país. A prefeitura de Kiev decidiu decretar férias escolares até que haja uma melhora nas condições climáticas.

Na Polônia, onde os termômetros também desceram a 30 graus negativos, o governo registrou mais cinco mortes pelo frio. Dois casos fatais também foram registrados na República Tcheca e na Eslováquia.

Na Bulgária, os termômetros marcaram 38 graus negativos em Tra, na região nordeste do país, a temperatura mais baixa dos últimos 100 anos. O inverno rigoroso já deixou 10 mortos, segundo estimativas das autoridades locais.

O rio Danúbio,  na fronteira entre a Bulgária e a Romênia, congelou em uma extensão de 350 quilômetros entre as cidades de Lom (oeste) e Silistra (leste). Mais de 400 escolas no país tiveram que suspender as aulas por causa da onda de frio ou de uma epidemia de gripe.

Fonte: RFI

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.