Domingo, Janeiro 29, 2023
8.1 C
Lisboa

Reabilitação de infra-estruturas eléctricas entre as prioridades do sector

Luanda – Os programas de reabilitação, instalação e extensão de sistemas de rede e infra-estruturas do sector eléctrico constam das principias prioridades do Ministério da Energia e Águas (Minea), para 2012, informou hoje, sexta-feira, em Luanda, o titular do pelouro, João Baptista Borges.
O governante, que avançou esse facto durante o seu discurso na cerimónia de cumprimentos de fim de ano do sector, disse que a materialização destes projectos visam aumentar e melhorar a qualidade do fornecimento de energia eléctrica à população e aos empreendimentos económicos do país.
Até Dezembro de 2012, segundo o responsável, será concluído o Programa de Emergência de Luanda, cujo início aconteceu em 2009, com a instalação de 200 mega watts.
“Neste período, a capital do país beneficiará de um reforço da rede de distribuição de Luanda, que vai permitir atender novas áreas, com realce para a zona periférica da cidade, onde se regista maior taxa de crescimento populacional e carência energética”, argumentou.
Ainda em 2012, referiu, está previsto o término da central Futila, em Cabinda, que terá cerca de 70 mega watts, bem como a construção da barragem do Gove, que em Março terá a sua primeira turbina de 20 MW a funcionar e vai fornecer energia eléctrica às províncias do Huambo e Bié.
Será ainda concluída a interligação eléctrica entre as localidades da Gabela e Kileva, cuja rede será importante na ligação física, inter apoio e flexibilidade no sistema eléctrico nacional.
João Baptista Borges informou que em 2012 será também instalado um conjunto de centrais térmicas com 495 MW nas províncias de Luanda, Cabinda, Huambo, Benguela, Kuando Kubango, Huíla e Lunda Norte.
Participaram do evento o secretário de Estado das Águas, Luís Filipe da Silva, presidentes de conselhos de administrações das empresas do sector, directores nacionais, técnicos, funcionários administrativos e colaboradores do sector, entre outros convidados.
Fonte: Angop
Foto: Angop

POSTAR COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

- Publicidade -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

A intolerância ficou escancarada com a internet livre

Pode parecer brincadeira, mas não é! Com a criação das redes sociais que foi inventada, criada ou idealizada para...

Artigos Relacionados

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
  • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
  • Radio Calema
  • Radio Calema