Radio Calema
InicioMundoGreve dos trabalhadores alfandegários em Cabo Verde

Greve dos trabalhadores alfandegários em Cabo Verde

Os trabalhadores das alfândegas de Cabo Verde iniciaram esta Quinta-Feira uma greve de 48 horas para reclamar designadamente promoções, reclassificações ou ainda o pagamento das progressões em atraso.

Embora tenha sido alcançado um pré-acordo na Direcção Geral do Trabalho, a greve foi mantida devido àquilo que os sindicatos chamam de “má vontade por parte da Direcção Geral das alfândegas”.

O movimento que, segundo os sindicatos, está a recolher uma adesão acima dos 80% está a paralisar grandemente as movimentações no Porto da Praia e do Mindelo. Esta paralisação que acontece a três dias do Natal, está a afectar não só os serviços das Alfândegas, mas também alguns serviços da ENAPOR – Empresa nacional de Administração dos Portos bem como muitos familiares de emigrantes que não estão a conseguir levantar as suas encomendas.

Apesar da disponibilidade dos trabalhadores das Alfândegas para suspender a greve, o governo acaba de decretar a requisição civil de 10 funcionários incluindo o Director do Serviço Aduaneiro. Esta medida parece surtir poucos efeitos, já que para o Director da Alfândega do Mindelo, Eduardo Rodrigues, “mesmo com a requisição civil, a carga não vai ser entregue antes do Natal”.

 

Fonte: RFI

Foto: RFI

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.