Radio Calema
InicioMundoResultados são divulgados hoje indica Comissão Nacional Eleitoral

Resultados são divulgados hoje indica Comissão Nacional Eleitoral

Observadores constatam uma dispersão natural do eleitorado congolês a partir de critérios etno-cêntricos e ideológicos

A divulgação dos resultados provisórios das eleições presidenciais de 28 de Novembro na República Democrática do Congo (RDC) foi adiada até um máximo de 48 horas, anunciou a Comissão Nacional Eleitoral Independente (CENI) em Kinshasa, cidade que está sob forte aparato policial.
Em vez dos resultados globais, a CENI deu os parciais de 89 por cento das mesas de voto, no dia em que o mandato de cinco anos do Presidente cessante, Joseph Kabila, expirava. De acordo com os resultados apresentados, Joseph Kabila, de 40 anos e eleito em 2006, volta a ganhar as eleições presidenciais com 49 por cento e à frente do principal opositor, Etienne Tshisekedi, a quem é atribuído um resultado de 33,3 por cento.

Votos por zonas

Os resultados provisórios de 52,91 por cento das assembleias de voto revelam uma dispersão natural do eleitorado congolês, segundo critérios essencialmente etnocêntricos e, em pequena medida, de tendência ideológica, constatam analistas políticos.
Do ponto de vista étnico, os candidatos à eleição presidencial tiveram melhores resultados nas suas circunscrições, de acordo com os analistas. O Chefe de Estado cessante, Joseph Kabila, está à frente em seis das onze províncias, com destaque para o Catanga, no extremo sul, e Maniema, no leste.

A sua origem étnica e linguística dá-lhe favoritismo nas províncias orientais, assim como do norte e do Kivu Sul.  A província ocidental de Bandundu é favorável a Joseph Kabila, devido à sua aliança governamental, durante a legislatura que finda, com o Partido Lumumbista Unificado (PALU) de Antoine Gizenga, essencialmente implantado nesta parte do país. Por sua vez, Etienne Tshisekedi foi muito votado na parte ocidental do país, considerado um bastião da oposição ao regime de Joseph Kabila, onde está à frente nas províncias do Kasai Ocidental e Oriental. Está também à frente na província ocidental do Baixo Congo, bem como na capital, Kinshasa. Na província do Equador, no norte, onde está largamente à frente de Joseph Kabila, o líder da oposição partilha votos com dois naturais da região, designadamente o presidente cessante do Senado, Kengo wa Dondo e Mobutu Nzanga, filho do antigo presidente Mobutu Sese Seko.
Vital Kamhere e Kengo wa Dondo, que ocupam a terceira e quarta posições, tiveram melhores resultados nas suas regiões de origem do Equador, para o primeiro, e do Kivu Sul para o segundo.

 

 

Fonte: Jornal de Angola

Fotografia: AFP

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.