Radio Calema
InicioDesportoPetrolíferos e rubro e negros perseguem o título africano

Petrolíferos e rubro e negros perseguem o título africano

Colossos angolanos estão a caminho de Rabat palco da prova continental de clubes

As equipas seniores masculinas de basquetebol do 1º de Agosto, campeã em título, e Petro de Luanda, vencedora em 2006, partem hoje para Rabat, onde, entre os dias 12 e 21, disputam a Taça de África dos Clubes Campeões.
Os responsáveis da formação do Recreativo do Libolo, outro representante angolano na prova, que viaja no mesmo avião de militares e petrolífero, utilizam um discurso cauteloso.
“Vamos procurar ganhar jogo a jogo. Se chegarmos à final, queremos ser campeões, mas cada coisa a seu tempo, temos consciência que não vai ser fácil porque as outras equipas são muito fortes”, disse o técnico principal da formação de Calulo, Raul Duarte.
Alberto Babo, técnico dos petrolífero, afirmou ao, ao Jornal de Angola, que é importante que a equipa se apresente a “um nível diferente do demonstrado no Torneio EME”.
“O objectivo do Petro em todas as provas é ganhar. Sabemos que o dos nossos adversários é o mesmo, mas temos de estar preocupados connosco e fazer bem o nosso trabalho”, referiu.
Sílvio Lemos, director para o basquetebol do clube rubro e negro, salientou que o objectivo é revalidar o título:
“Somos os detentores da taça e não podemos pensar de outra maneira. A nossa meta é voltar a erguer a taça dos clubes campeões”.

Os militares já conquistaram seis vezes o troféu.
Para a operação Rabat embarcaram os seguintes jogadores do 1º de Agosto: Filipe Abraão, Armando Costa, Adilson Baza, Reggie Moore, Felizardo Ambrósio, Joaquim Gomes “Kikas”, Domingos Bonifácio, Carlos Almeida, Miguel Lutonda, Leonel Paulo, Hermenegildo Santos, Mário Correia e Islando Manuel.
Do Petro de Luanda, seguiram para Marrocos, Paulo Santana, Yuri Suingue, Roderick Nealy, Paulo Barros, Cedrick Isom, Vladimir Pontes, Divaldo M´bunga, Miguel Kiala, Roberto Fortes, Simão Santos, Abdel Gomes, Carlos Morais.
Do Libolo, partiram para a competição, Olímpio Cipriano, Luís Costa, Edson N´doniema, Mayzer Alexandre, Vladimir Ricardino, Abdel Boukar, Escórcio António, Ildefonso Kiteculo, Byron Burnett, Edson Hilukilwa, Francisco Sousa e Mayzer Alexandre.
O campeonato africano de clubes é disputado pelas formações do AS Sale (organizador), Etoile Sportive Sahel (Tunísia), Chabab Rif Al Hoceima (Marrocos), Al Ahly de Benghazi (Líbia), todas da zona um, AS Douane (Senegal), da zona dois, Union Bank e Royal Hoopers (Nigéria), zona três, BC Mazembe (RD Congo), zona quarto, Urunani (Burundi), zona cinco, e Petro de Luanda, Recreativo do Libolo e 1º de Agosto (Angola), zona seis.

 

Anaximandro Magalhães

Fonte: Jornal de Angola

Fotografia: Santos Pedro

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.