Segunda-feira, Fevereiro 6, 2023
10.6 C
Lisboa

Nova centralidade transformará Dundo em cidade de facto

Bairro Samakaka

No bairro Samakaka ergue-se a nova centralidade que vai transformar a antiga vila mineira do Dundo numa cidade na verdadeira acepção da palavra. O projecto de execução das obras enquadra-se no programa nacional de habitação traçado pelo Executivo central.

A actual foi herdada da desanexação da antiga Lunda, em 1978, transformando-a numa nova província que perdeu entretanto as infra-estruturas que caracterizam uma cidade para Saurimo, urbe que saiu beneficiada. De acordo com o projectado para aquela cidade, estão a ser construídos 404 edifícios para acolher mais de 30 mil habitantes, numa área de 500 hectares, com equipamentos sociais como centro de saúde, campo de futebol, centro comercial, área de lazer, e outras. Os edifícios têm 12, 9, 6 e três andares, respectivamente, comportando casas dos tipos T 5, T4, T 3 e T 2. O palácio do governo deverá mudar-se igualmente para a nova centralidadde.

A primeira fase deste ambicioso projecto para a cidade de Samanyonga, como será conhecida, vai ser concluída até Setembro de 2012.

O grau de execução decorre a bom ritmo, conforme asseguram os responsáveis da construtora chinesa Pan-China, com experiência em Fachada de edificios da centralidade que está a ser erguida no Dundo vários países africanos, entre eles a Zâmbia, onde construíram um estádio de futebol e um aeroporto.

Dundo dista mil e 300 quilómetros de Luanda, facto que implica um grande esforço em termos logísticos para a Pan-China, que diariamente faz deslocar um comboio de 150 camiões entre Luanda e Dundo para transportar matéria-prima diversa para as obras.

No domínio do fornecimento de água potável, fruto de um investimento significativo nesse domínio, 80 por cento da população do Dundo beneficia de água potável.

Durante a primeira fase do projeto, o investimento foi canalizado para a construção e reabilitação das estações de captação de Mussungue, Cazunda, bem como de chafarizes e reservatórios de água dos bairros periféricos.

A adução de água ao domicílio é um projecto que aguarda pela substituição, no próximo ano, da velha canalização que tem mais de 50 anos de existência.

Luachimo clama por reabilitação

A cidade do Dundo enfrenta restrições no fornecimento de energia eléctrica, devido ao estado obsoleto da barragem de Luachimo, que está a operar com metade da sua potência instalada de 8 megawatts, devido à paralisação de duas das quatro turbinas.

Construída em 1957 para atender às necessidades da actividade mineira, a velha central clama por reabilitação, ideia que pode ter concretizaçao para breve. Segundo informações obtidas no local, a intervenção prevê o aumento da capacidade para mais de 26 megawatts, a ser feito com recurso a novas centrais térmicas conforme asseguraram responsáveis locais da ENE.

Os técnicos da ENE precisaram que o fornecimento de electricidade à nova centralidade do Dundo será feito por intermédio de uma central térmica com a capacidade de 10 megawatts.

O investimento em centras térmicas é admitido pelos técnicos como uma solução paliativa necessária, porém onerosa, que deverá ser abandonado para se apostar na construção de novas barragens hidro-eléctricas, aproveitando-se os bons caudais dos rios da região.

Dependendo da sua capacidade, uma central térmica pode consumir aproximadamente 4 mil litros de combustível por hora, facto que impõe igualmente um grande esforço logístico na transportação de Luanda para o Dundo.

 

 

Fonte: O País

Foto: O País

POSTAR COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

- Publicidade -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Beyoncé está perto de se tornar artista com maior número de Grammys

Beyoncé conquistou dois Grammys na tarde deste domingo, na pré-gala da premiação mais prestigiada da indústria da música, onde...

Artigos Relacionados

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
  • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
  • Radio Calema
  • Radio Calema